Jump to content

Recommended Posts

Esse urbantech é mais por menos, fraca demais a versão e muito mais cara. Se fosse o mesmo preço do Griffe, um cara comprou lá no face pelo mesmo preço do Griffe, mas se o Urban baixou o Griffe também teria um desconto. Se tivesse farois com projetor e controles ativos de segurança, valeria a diferença.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Verdade, os 208 estão menos atrativos em relação a concorrência pela falta de recheio eletrônico/segurança. Esteticamente achei a Urbantech bonita mas aqui na minha cidade esta 75k e para mim não vele o que pedem.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Exatamente o que penso e mencionei na página anterior. 

A Peugeot sempre foi referência nesse esquema de oferecer mais por menos. Ou seja, mesmo com aquela fama de "Pejô num presta", o camarada ficava tentado pela quantidade de itens de tecnologia e/ou segurança e conforto a mais que os concorrentes, pelo mesmo valor ou até menos. Agora nem isso temos mais! Ficamos com um produto que oferece a mesma coisa ou menos do que os concorrentes, que ainda sofre desse estigma do pós venda, e que custa o mesmo ou até mais que os outros... o único argumento é ser bonitinho! haha

Falando especificamente dos controles eletrônicos, sério, até Ford Ka oferece! Acorda, Peugeot!

  • Like 1
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Uma vergonha esse carro ser premium e não ter controles eletrônicos ativos de segurança. Deveria no mínimo vir no allure para cima.

 

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

DESCULPEM MINHA IGNORÂNCIA, andei procurando na web e não encontrei nada confiável que me informasse qual o motor que equipa nosso brazuca 208 GT, se puderem me dar uma fonte confiável eu também agradeço pois por mais que cavasse, nada de informação completa, abraço a todos, obrigado Universitários!

Share this post


Link to post
Share on other sites
37 minutes ago, FFJunto said:

DESCULPEM MINHA IGNORÂNCIA, andei procurando na web e não encontrei nada confiável que me informasse qual o motor que equipa nosso brazuca 208 GT, se puderem me dar uma fonte confiável eu também agradeço pois por mais que cavasse, nada de informação completa, abraço a todos, obrigado Universitários!

É o THP. 1,6 litro, turbo, flex, 173 cv no álcool e 24 kgfm a saudáveis 1400 RPM

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 hours ago, caio.curvelo said:

É o THP. 1,6 litro, turbo, flex, 173 cv no álcool e 24 kgfm a saudáveis 1400 RPM

Obrigado Caio, o que preciso saber é se esse motor é o TU5JP4 atualizado ou outro, como o europeu....

Share this post


Link to post
Share on other sites

O THP pertence a familia Prince, sucessora da série "TU". É aplicado em vários carros do grupo PSA e também nos Mini (pertencente a BMW).

Se não me engano, o código do motor com 165cv é o EP6CDTM. Não sei se originou uma nova sigla após a conversão para flex e seus 173cv.

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 hours ago, greatwalker said:

O THP pertence a familia Prince, sucessora da série "TU". É aplicado em vários carros do grupo PSA e também nos Mini (pertencente a BMW).

Se não me engano, o código do motor com 165cv é o EP6CDTM. Não sei se originou uma nova sigla após a conversão para flex e seus 173cv.

Se não me engano, o THP flex é o EP6FDTM, o CDTM é só a gasolina...

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, mahelopes said:

Se não me engano, o THP flex é o EP6FDTM, o CDTM é só a gasolina...

Foi o que eu disse: "(...) o código do motor com 165cv é o EP6CDTM. Não sei se originou uma nova sigla após a conversão para flex e seus 173cv."

Ou seja, CDTM é o apenas gasolina, com 165cv. O flex que eu mencionei não saber se tinha recebido outro código, então deve ser esse FDTM que você mencionou! :)

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
10 hours ago, greatwalker said:

O THP pertence a familia Prince, sucessora da série "TU". É aplicado em vários carros do grupo PSA e também nos Mini (pertencente a BMW).

Se não me engano, o código do motor com 165cv é o EP6CDTM. Não sei se originou uma nova sigla após a conversão para flex e seus 173cv.

Blza, entendido, grato

Share this post


Link to post
Share on other sites

Blza, entendido, grato

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 10/18/2017 at 10:58 PM, FFJunto said:

DESCULPEM MINHA IGNORÂNCIA, andei procurando na web e não encontrei nada confiável que me informasse qual o motor que equipa nosso brazuca 208 GT, se puderem me dar uma fonte confiável eu também agradeço pois por mais que cavasse, nada de informação completa, abraço a todos, obrigado Universitários!

Direto do Service Box da Peugeot: 

Quote

208 (AMLAT) BERLINE 5 PORTES 1.6 THP 16v 170 (EP6FDT M) BVM6

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

La se foi minha bateria. estou na 3 meses na alemanha e meus pais ligam o carro só as vezes, mas falaram que mesmo depois da chupeta ele descarrega. imagino que foi pro saco... la vai mais uns 300 pila... :(

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 9/1/2017 at 7:07 AM, DFMC said:

 Se tiver isofix e rebatimento dos retrovisores mesmos, serão ups desejáveis :confianteup:

 
 

Tem ISOFIX, porém sem rebatimento dos retrovisores.

Eu fiz um TD e pude constatar na Griffe AT:

Evolução comparado ao meu Griffe 15/16

  • O câmbio AT6 realmente da muito mais conforto na condução.
  • Android Auto, Car Play e Mirror link de série. A CM é multi-touch.
  • ISOFIX
  • Fizeram um reforço na isolação acústica do tampão do porta-malas. Alvo de reclamação de 9 a cada 10 proprietários de 208.

Retrocesso

  • Paddle shift faz falta, já estava acostumado, mesmo com 4 velocidades não dando muita empolgação.
  • Motor rende menos (em números).
  • Removeram a manta acústica no capô. Segundo o vendedor, "se a Peugeot tirou é porque não precisava".
  • A roda 16 é mais simples, não é mais aquela diamantada.
  • As luzes internas de leitura não são mais de leds.
  • A localização da entrada USB da multimídia é horrível.
  • Farol perdeu projetor. Agora só o GT. Nem Argo e Polo têm na versão topo.
  • Lanterna traseira não é mais de led (acho que no 2017 já não era mais).
  • Os plásticos do painel não são mais em dois tons (da pra ver pelas fotos de divulgação).
  • Provável remoção de presilhas, parafusos, isolamentos e qualquer outra coisa que não vemos a olho nu. É preciso reduzi custo afinal, né?

Indiferente

  • Não existe mais GPS. Eu não usava o GPS da SMEG pois não tinha info de trânsito.
  • Protetor de cárter continua como opcional. No 14/15 que tive era de série. A CCS diz que esse motor não precisa. O engraçado é porque antes era de série. Precisava?
  • Câmera de ré (não sei usar, sensor de estacionamento já basta).

 

Não consegui confirmar, mas ACHO que perdeu o sensor de estacionamento dianteiro. Pelo menos o botão de desativação do painel sumiu. Não sei se o controle foi pra CM.

Minha opção de troca está entre Polo e Argo, tendendo mais ao Polo, mesmo temo "menos" coisas Hi Tech comparado ao Argo.

Edited by Dantas

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olha, eu fiz test bunda do Polo e do Fiesta ecoboost hoje, e o Frango empolgou pacas.

O Fiesta tem um belo motor e um câmbio bem suave, mas achei a calibração meio hesitante, o interior do carro é o mesmo de 2014 (já era pelado e apertado lá), e a vendedora já queria fechar negócio hoje, sabadão, assim que entrei na loja.
Continuam cobrando 5 paus por uma central multimídia, ai.

Agora, o Polo..
Ainda não vi o 208 atual, mas a briga está interessante.

Duro é que Ford e Peugeot tem como se equipararem à concorrência sem tanto esforço assim.

Oremos. :D
 

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
10 minutes ago, Cheetos said:

Olha, eu fiz test bunda do Polo e do Fiesta ecoboost hoje, e o Frango empolgou pacas.

O Fiesta tem um belo motor e um câmbio bem suave, mas achei a calibração meio hesitante, o interior do carro é o mesmo de 2014 (já era pelado e apertado lá), e a vendedora já queria fechar negócio hoje, sabadão, assim que entrei na loja.
Continuam cobrando 5 paus por uma central multimídia, ai.

Agora, o Polo..
Ainda não vi o 208 atual, mas a briga está interessante.

Duro é que Ford e Peugeot tem como se equipararem à concorrência sem tanto esforço assim.

Oremos. :D
 

Fiesta avaliei em 2013 quando peguei meu primeiro 208. Fiquei batendo ombro com a minha esposa na frente. Achei muito estreito. Para-sol cobre metade do para-brisa. Não acompanhei o que Ford o carro evoluiu/regrediu de equipamentos ao longo desse tempo.

Em 2015 foi racional a troca por outro 208: colocaram mais airbags, sensor dianteiro (antes apenas no Premier) e CM com MyPeugeot.

Agora em 2017 com a análise que fiz ai em cima, está cada vez mais difícil ficar na marca.

Espero fazer TD do Argo e Polo nos próximos dias.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estava comentando esses dias...

A Peugeot tá tentando emplacar a imagem de carro "premium" aqui no Brasil, justificando o preço um pouco mais alto pela oferta de equipamentos e qualidade construtiva do conjunto, mas as concorrentes estão se sobressaindo absurdamente nesses aspectos, em especial o Argo e o Polo.

Sempre torço pelo sucesso da marca, mas se não vierem com uma puta oferta de equipamentos de série no próximo ano, equiparando a nossa linha à europeia, a tendência é de que o 208 passe a vender cada vez menos. A fama da Peugeot já não é aquelas coisa, ainda cobram caro por um carro que tá ficando pra trás da concorrência? Assim fica difícil.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 04/11/2017 at 20:23, Dantas said:

Fiesta avaliei em 2013 quando peguei meu primeiro 208. Fiquei batendo ombro com a minha esposa na frente. Achei muito estreito. Para-sol cobre metade do para-brisa. Não acompanhei o que Ford o carro evoluiu/regrediu de equipamentos ao longo desse tempo.

Em 2015 foi racional a troca por outro 208: colocaram mais airbags, sensor dianteiro (antes apenas no Premier) e CM com MyPeugeot.

Agora em 2017 com a análise que fiz ai em cima, está cada vez mais difícil ficar na marca.

Espero fazer TD do Argo e Polo nos próximos dias.

Olha quem está aí!

 

Bom te ver de volta, meu caro!

O Fiesta não mudou nada no interior, a patroa olhou pro painel e perguntou "CD? Quem usa CD hoje em dia?".

Eu pretendo ir na Peugeot este mês, que agora só na cidade vizinha, ms "jogando super trunfo" com os preços, o Polo está bem interessante para a nossa necessidade.

On 04/11/2017 at 20:26, caio.curvelo said:

Estava comentando esses dias...

A Peugeot tá tentando emplacar a imagem de carro "premium" aqui no Brasil, justificando o preço um pouco mais alto pela oferta de equipamentos e qualidade construtiva do conjunto, mas as concorrentes estão se sobressaindo absurdamente nesses aspectos, em especial o Argo e o Polo.

Sempre torço pelo sucesso da marca, mas se não vierem com uma puta oferta de equipamentos de série no próximo ano, equiparando a nossa linha à europeia, a tendência é de que o 208 passe a vender cada vez menos. A fama da Peugeot já não é aquelas coisa, ainda cobram caro por um carro que tá ficando pra trás da concorrência? Assim fica difícil.

O Polo com as 5 estrelas no NCAP tem um bom apelo, e pra mim, se a Peugeot quer concorrer como carro premium, vai ter que trazer o Puretech turbo, pra começar.

Mesmo caso da Ford, enquanto a Concessionária da Volks bombava, com fila de gente pra ver o Polo, não tinha uma alma viva pra ver qualquer carro na Ford aqui, que é bem maior que a da Volks.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dantas concordo a Peugeot ficou para trás, me disseram que é estrategia da marca, pois devem trazer o 208 baseado na 3008 em 2020. Ai o cliente fica a ver navios? Teve muitos retrocessos mesmo, igual ao Griffe 2014 e até os 2016 está para nascer um carro bom desse na categoria (se tivesse o ESP, ESC, Hill Holder) seria quase perfeito, pois ele veio muito capado em relação a Europa. O Polo realmente lembra um golzao (isso porque o gol copiou o projeto do Polo para não morrer), mas é um puta carro vou passar na CSS hoje pra ver um. Tive Ford e nunca vi manutenção tão cara para tão pouco. Acho o Fiesta show, mas todo mundo que trocou por um 208 fala que o Fiesta é bem "menos" carro. Sobre o CD Player eu acho bonito a estrutura do som, mas o top deveria vir uma central multimídia, sobre esse valor de 5 mil Cheetos, quando fui comprar meu 208 eu ia pegar o New KA e achei a multimídia deles da CSS (que é caska) por 2500

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estou na mesma (de querer trocar meu 208 Griffe 2014) e até comentei nums posts anteriores aqui mesmo neste tópico sobre esse comparativo com os novos rivais (especialmente o Polo).

Minha namorada achou o Polo feio e queria porque queria que eu trocasse por outro 208 (ou nem trocasse de carro). Até argumentei que quando eu comprei ele, lá em 2014, realmente considerava uma das melhores opções, tanto que acabei comprando um. De lá pra cá já são quase 4 anos e a concorrência evoluiu. Já a Peugeot continuou na mesma, correndo beeeem tardiamente atrás do prejuízo com esses novos itens (enfim um automático de 6 marchas, isofix, multimidia mais conectada, etc) que já não são mais exclusividade de "carro francês cheio de opcionais" e no máximo o equiparam aos concorrentes de mesmo preço no mercado, e inclusive ficou pra trás na segurança, tanto ativa (falta dos controles eletrônicos) quanto passiva (a temerosa falta das barras nas portas), fora os itens que foram se perdendo (desde projetores nos faróis até isolamento termo-acústico no capô, que piada!).

Ainda não consegui test-drive no Polo, mas sinceramente, eu compraria ele mesmo sem ver pelo o que oferece e por quanto cobra. 

Momento desabafo: a única chance de eu ficar na Peugeot é se demorar pra conseguir vender o meu atual 208. A concessionária me fez uma condição interessante no Urbantech, pegando o meu praticamente pela FIPE e dando desconto de 3mil no carro zero. Considerando que pelo visto terei que vender o meu bem abaixo da FIPE (rodo muito com o carro e mesmo sendo kilometragem de estrada, o mercado rejeita isso), a diferença na parte financeira começa a interessar. Mas certamente não seria uma escolha técnica nem passional, pura e simplesmente de oportunidade e dinheiro.

Share this post


Link to post
Share on other sites
10 hours ago, Nitsche13 said:

Dantas concordo a Peugeot ficou para trás, me disseram que é estrategia da marca, pois devem trazer o 208 baseado na 3008 em 2020. Ai o cliente fica a ver navios? Teve muitos retrocessos mesmo, igual ao Griffe 2014 e até os 2016 está para nascer um carro bom desse na categoria (se tivesse o ESP, ESC, Hill Holder) seria quase perfeito, pois ele veio muito capado em relação a Europa. O Polo realmente lembra um golzao (isso porque o gol copiou o projeto do Polo para não morrer), mas é um puta carro vou passar na CSS hoje pra ver um. Tive Ford e nunca vi manutenção tão cara para tão pouco. Acho o Fiesta show, mas todo mundo que trocou por um 208 fala que o Fiesta é bem "menos" carro. Sobre o CD Player eu acho bonito a estrutura do som, mas o top deveria vir uma central multimídia, sobre esse valor de 5 mil Cheetos, quando fui comprar meu 208 eu ia pegar o New KA e achei a multimídia deles da CSS (que é caska) por 2500

Aqui eles estavam com bônus de 2500, mas o carro custa 65 paus, e por esse preço tem coisa bem melhor por aí.

Se não fosse o espaço interno diminuto, até o consideraria, mas de que adianta ter Isofix pra colocar uma cadeirinha com bebê, que é um trambolhão, se nem minhas patas cabem no buraco? Eu nem sou alto e pernudo.

Se fosse 65 já com a central, dá pra pensar, porque o acerto do carro é muito bom.

Eu não ligo pra design, conta mais o ambiente interno e a comodidade do que aspecto exterior.

29 minutes ago, greatwalker said:

Estou na mesma (de querer trocar meu 208 Griffe 2014) e até comentei nums posts anteriores aqui mesmo neste tópico sobre esse comparativo com os novos rivais (especialmente o Polo).

Minha namorada achou o Polo feio e queria porque queria que eu trocasse por outro 208 (ou nem trocasse de carro). Até argumentei que quando eu comprei ele, lá em 2014, realmente considerava uma das melhores opções, tanto que acabei comprando um. De lá pra cá já são quase 4 anos e a concorrência evoluiu. Já a Peugeot continuou na mesma, correndo beeeem tardiamente atrás do prejuízo com esses novos itens (enfim um automático de 6 marchas, isofix, multimidia mais conectada, etc) que já não são mais exclusividade de "carro francês cheio de opcionais" e no máximo o equiparam aos concorrentes de mesmo preço no mercado, e inclusive ficou pra trás na segurança, tanto ativa (falta dos controles eletrônicos) quanto passiva (a temerosa falta das barras nas portas), fora os itens que foram se perdendo (desde projetores nos faróis até isolamento termo-acústico no capô, que piada!).

Ainda não consegui test-drive no Polo, mas sinceramente, eu compraria ele mesmo sem ver pelo o que oferece e por quanto cobra. 

Momento desabafo: a única chance de eu ficar na Peugeot é se demorar pra conseguir vender o meu atual 208. A concessionária me fez uma condição interessante no Urbantech, pegando o meu praticamente pela FIPE e dando desconto de 3mil no carro zero. Considerando que pelo visto terei que vender o meu bem abaixo da FIPE (rodo muito com o carro e mesmo sendo kilometragem de estrada, o mercado rejeita isso), a diferença na parte financeira começa a interessar. Mas certamente não seria uma escolha técnica nem passional, pura e simplesmente de oportunidade e dinheiro.

Eu proporia pra concessionária uma "operação tira grilo" no carro antes de retirá-lo, nem que fosse pra eu ir lá instalar uma manta acústica/térmica, borrachinha ou espuminha em algumas partes do carro, mas eles ficariam com a montagem e desmontagem, porque o carro de TD tinha uns crec crec, e a minha senhora reclamou com o vendedor. :D

Bem, eu nunca andei num 208 1.6, lembro que o 308 de leva e traz lá de Ribeirão andava MUITO, mas não vai dar pra chegar no torque desse TSI.

Tem uma ladeira federal ao lado da VW aqui, meu carro sobe em segunda se vier com algum embalo, e com pé cravado, o Polo fez em terceira, com 3 dentro do carro, ar ligado e eu mal estava pisando.

Isso impressiona, isso dá um baita conforto, e aquele bicho ronca como um Porsche. :D

Vamos ver o Visio.. aliás, uma 208 SW teria lugar no meu coração e garagem.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nesse comparativo ficou faltando o New Fiesta, mas colocaram o Fit: https://motor1.uol.com.br/photos/557643/comparativo-vw-polo-x-fiat-argo-x-honda-fit-x-peugeot-208/?utm_source=M1brasil

Dá pra ter noção dessa diferença de desempenho (como o caso de subir a ladeira mencionado) ao comparar os números de retomada, por exemplo. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom, eu saí de um Fiesta Titanium para o 208. Em termos mecânicos não dá pra comparar, até porque o THP foi a razão de eu ter partido para o 208, mas em acabamento, percebo que os dois caminham juntos. Em alguns pontos a ergonomia do Fiesta, como a disposição dos botões do vidro para o motorista, é melhor. No 208 preciso ficar encolhendo o braço pra acionar os vidros, rs. O 208 também tem bem mais pontos cegos, por causa das colunas, na primeira semana que fiquei com ele, até me assustei um pouco, mas dá pra se acostumar, não é nada absurdo. E o 7º airbag no fiesta, para os joelhos do motorista, também é interessante, algo que pouquíssimos carros no BR têm. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
17 hours ago, Cheetos said:

Olha quem está aí!

 

Bom te ver de volta, meu caro!

O Fiesta não mudou nada no interior, a patroa olhou pro painel e perguntou "CD? Quem usa CD hoje em dia?".

Eu pretendo ir na Peugeot este mês, que agora só na cidade vizinha, ms "jogando super trunfo" com os preços, o Polo está bem interessante para a nossa necessidade.

O Polo com as 5 estrelas no NCAP tem um bom apelo, e pra mim, se a Peugeot quer concorrer como carro premium, vai ter que trazer o Puretech turbo, pra começar.

Mesmo caso da Ford, enquanto a Concessionária da Volks bombava, com fila de gente pra ver o Polo, não tinha uma alma viva pra ver qualquer carro na Ford aqui, que é bem maior que a da Volks.

2

Sempre bom conversar contigo e com todos do CP! :-)

Sobre CD, peça pra patroa depois abrir o porta-luvas do Polo Highline.

Sei que o tópico é sobre o 208, mas veja o movimento da montadora: tiraram mais de 13K do valor do 308 THP!!!
Resposta frente ao Polo? Não sei, porém acho que o 308 concorre com o Golf, correto?

https://quatrorodas.abril.com.br/noticias/peugeot-308-fica-mais-barato-e-ganha-nova-versao-de-entrada/

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Leitor de CD, DVD acho que compensa. Agora que coloquei interface na central estou pensando em colocar um no porta luvas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

A PSA vem depenando o 208 desde a linha 2016. Tive um griffe 2014 e atualmente tenho um griffe 2016 e já veio capado de manta do capô, cobertura dos parafusos do cinto de segurança, gancho para reboque, isolamento embaixo do painel (onde fixamos os iluminadores do footlight), protetor de carter, plaquinha com a indicação do motor (ficava embaixo do numeral 208). Na linha 2017 caparam o farol com projetor e mudaram o painel, ao que me lembre mudou o tom da faixa.

A concorrência pelo contrário, continuou recheando os carros e os franceses, antes atrativos pelo que ofereciam, ficam cada vez mais atrás. A Ford surfou na onda dos chineses e passou a oferecer tudo e mais um pouco em seus carros, quando comprei o 208 eu descartei o New Fiesta por conta do espaço interno, tenho 1,87m e é muito apertado para mim e o 208 dá um baile no ford nesse quesito. Recentemente fui olhar o Argo e o carro é completasso, toda a assistência eletrônica que conhecemos, segurança ativa e passiva e espaço condizente com o segmento.

Eu já vou em meu terceiro Pug mas devo respirar novos ares no próximo carro, adoro a marca mas não compensa pagar mais por menos, o menos é menos nesse caso a não ser que a questão emocional se sobreponha. Vou olhar o Polo e fora algumas críticas em relação aparência dos plásticos internos tenho visto muitos elogios.   

Share this post


Link to post
Share on other sites

O 208 europeu tem, se não de série como opcional, o CD Player para a Smeg. Apesar de hoje usarmos mais a música digital nos pendrives ainda sinto falta de tirar a poeira de meus CD´s e usar no carro.

Share this post


Link to post
Share on other sites
22 hours ago, Dantas said:

Sempre bom conversar contigo e com todos do CP! :-)

Sobre CD, peça pra patroa depois abrir o porta-luvas do Polo Highline.

Sei que o tópico é sobre o 208, mas veja o movimento da montadora: tiraram mais de 13K do valor do 308 THP!!!
Resposta frente ao Polo? Não sei, porém acho que o 308 concorre com o Golf, correto?

https://quatrorodas.abril.com.br/noticias/peugeot-308-fica-mais-barato-e-ganha-nova-versao-de-entrada/

 

 

Tá escondido, não conta hahaha

O 308 neste preço também fica bem interessante, espaço interno nunca é demais.

13 hours ago, gportela said:

O 208 europeu tem, se não de série como opcional, o CD Player para a Smeg. Apesar de hoje usarmos mais a música digital nos pendrives ainda sinto falta de tirar a poeira de meus CD´s e usar no carro.

Eu digitalizei tudo, e ainda fiz isso com a coleção do meu pai, rola de Mozart a Michael Jackson no meu carro. :D

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 hours ago, Cheetos said:

Tá escondido, não conta hahaha

O 308 neste preço também fica bem interessante, espaço interno nunca é demais.

Eu digitalizei tudo, e ainda fiz isso com a coleção do meu pai, rola de Mozart a Michael Jackson no meu carro. :D

Rapaz, preciso fazer isso também hehehe

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fiquei um bom tempo sem frequentar o fórum. Assim que comprei meu 208, que é meu primeiro carro, passava horas aqui pra tentar aprender o máximo possível.

Agora que o carro já começou a me dar algumas dores de cabeça, comecei a pensar em trocar. Sabia que ia encontrar boas opiniões da galera aqui.

Tudo que observei na minha última ida à concessionária vocês relataram aqui. O meu é o 15/15. Na época, cheguei a ficar danado da vida que logo depois veio o 15/16 com mais airbags e sensor dianteiro pelo mesmo preço. Achei que esse seria o ritmo da Peugeot dali pra frente e que não teria como sair da marca quando chegasse a hora de trocar. Ledo engano.

Pura decepção ver como ficou o Griffe atualmente. Não dá a menor vontade de trocar o meu pelo atual, mesmo finalmente ganhando o câmbio de 6 marchas. Principalmente porque perdeu coisas que me fizeram ficar mais apaixonado pelo carro na época, como os paddle shifts.

Como todo mundo falou aqui, o atrativo da PUG era ter um carro todo recheado e por um preço melhor. Agora é simplesmente um carro com menos coisas e por um preço igual ou maior. Difícil de engolir.

O Novo Polo e o Argo ofuscaram completamente o 208 em questão preço e equipamentos. Mas mesmo assim, nenhum deles faz meu coração bater forte igual o 208 fez na época.

Vou inclusive adiar a troca. Ver o que mais aparece por aí. O Argo me agradou, mas já li vários relatos de como o start e stop, por exemplo, simplesmente não funciona. E o visual do Polo não me desce (essa reciclagem de design da VW não faz sentido na minha cabeça). Pode ser futilidade, mas fazer eu torcer o pescoço pra ver o carro passar ainda tem importância pra mim. Ainda lembro que sempre virava pra trás pra olhar pro pejozinho toda vez que estacionava o carro. hahaha

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu gostei do modelo 17 ter finalmente ganho o AT6, e Isofix, que eram dois pontos (especialmente o segundo) importantes pra mim.

Quem sabe dê pra brigar no preço na hora da compra, mas duvido que vão colocar um Allure AT por 60 mil ou menos.

Os paddle shifts realmente são interessantes, mas acho que depende também da calibração do câmbio.

Só de ter a opção na manopla já ajuda, no Fit não tem, por exemplo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Galera, tenho notado que o GPS da minha central me localiza em um ponto nada a ver da cidade, em um local completamente diferente da onde estou. Quase toda semana tenho notado isso, acontece com o de vcs também? Aí quando desligo e ligo o carro novamente, volta ao normal me localizando aonde realmente estou...

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 09/11/2017 at 14:31, mahelopes said:

Galera, tenho notado que o GPS da minha central me localiza em um ponto nada a ver da cidade, em um local completamente diferente da onde estou. Quase toda semana tenho notado isso, acontece com o de vcs também? Aí quando desligo e ligo o carro novamente, volta ao normal me localizando aonde realmente estou...

O GPS do meu é meio tapado, mas nunca aconteceu isso, e é versão diferente da sua. ;)

--

Vídeo interessante sobre o Puretech:

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fui neste sábado pela manhã nas duas CCS, tanto Peugeot quanto VW aqui em Presidente Prudente, interior de SP.

Vi de perto o 208 Urbantech e, realmente, o bicho é bonito! Esse facelift (em relação ao meu 2014) é bacana, embora eu ache MUITA sacanagem terem retirado os projetores do farol  baixo e, mais ainda, tirado o DRL e colocado uma faixinha de LED que é apenas "luz de posição". Esses outros detalhes como também trocarem as luzes de leitura de LED por halógenas, retirar o forro da capô e demais economias, prefiro nem comentar para não passar raiva. Entretanto, pelo menos adicionaram itens importantes, e que são mais valorizados pela maior parte do público, como isofix, essa nova central multimida com espelhamento etc, câmera de ré e sensores também dianteiros e, sem dúvida alguma, o novo câmbio. Achei que ele ainda segura um pouco em terceira em alguns momentos que eu certamente sentia poder ir para quarta. O mesmo vale para segurar uma quinta onde a sexta já parecia viável, na estrada, em leves aclives. Enfim, provavelmente pela leve falta de fôlego do motor (especialmente comparado ao Polo que vou comentar abaixo). Mas em geral, eu que já estava quase descartando a troca do meu por outro Leãozinho, fiquei com o emocional fragilizado! haha! O carro é bem bonito, especialmente por dentro, nessa versão especial. Os bancos com essa padronagem de tecido e couro, o painel com aquela faixa central emborrachada e o volante do GT/Sport são a cereja do bolo. Achei que poderiam ter incluído o motorzinho para acionamento automático do forro do teto panorâmico, igual temos no 2008.

Na negociação, consegui chegar em 35mil de volta, dando o meu Griffe 2014 (FIPE atual em 38mil, aproximadamente). Considerando que estejam pagando uns 35mil no meu usado (deixei claro que poderiam declarar tanto a compra do meu quanto a venda do zero km com menor valor, se ajudasse no negócio), é como se o Urbantech estivesse saindo por 70mil. Consegui também taxa zero em 12x ou taxa 0,69% em até 36x pra financiar parte dessa volta. Achei uma condição razoável, especialmente considerando que o meu usado já passou dos 90mil km rodados e o jogo de pneus já está no limite.

Depois fui para a VW, com cocktail de apresentação do Polo. Concessionária lotada, fila para o "best drive", já que eles tinham apenas um highline para andar. De cara, uma enorme decepção: só tinham expostos na loja as versões 1.0 aspirada e 1.6 MSI, que acreditem, são nojentas de feias no acabamento interno (e bem sem graça por fora também, sem nem um farol de neblina pra dar uma melhorada). Sério, os plásticos dos painéis de porta, console e demais partes onde é possível ser de plástico é daqueles plásticos beeem vagabundos, num tom cinza claro, bem cara de carro chinês barato. Qualquer ponto onde se concentra o olhar é possível perceber pobreza nessas versões. Evidentemente que é a mesma plataforma, carroceria etc... mas o que se vê é deplorável. Enfim chegou minha vez de andar no Highline (que só tinha esse único exemplar para andar, e nenhum exposto), e aí sim, parece outro carro. A traseira é um clone do Gol, mas de resto é bem perceptível o quanto é maior, especialmente na largura. O acabamento já melhora, com os faróis de neblina em LED, rodas mais bonitas (embora não estivesse equipado com as Razor de aro 17 que são lindonas pelas fotos), frisos diferentes (as vedações de portas são iguais as do Golf) e por aí vai. Por dentro os plásticos melhoram, ficam num tom preto, mas ainda são claramente inferiores as do 208 (ao menos dos Griffe e Urbantech que tenho e que vi agora 2018). Achei legal a saída de ar-condicionado para o banco traseiro, 3 portas USB, excelente espaço interno, mesmo para quem vai atrás (bem maior que o 208), porta-malas bem mais "fundo" também, com aquele esquema modular para variar o tamanho, botão de partida, acesso sem chave, e frescuras deste tipo que, convenhamos, antigamente seria o orgulho de nós Peujozeiros termos em nossos carros mas que agora estamos perdendo pra gloriosa Volks! O carro do test-drive também não tinha o painel TFT, mas deu pra ter uma ideia de qualidade pela ótima central multimidia deles também. Ajuste de profundidade do volante é bem maior que o do 208, achei impressionante, pois gosto de me sentar mais afastado, com as pernas esticadas, mas no 208 não é possível ir muito sem que a posição dos braços para o volante fique errada (muito afastado). Enfim andando, aqui sim vem o balde de água fria: o conjunto é espetacular ao que se propõe num hatch premium de 70mil. Sério, anda muito, mas muito mesmo. Esses 200 Nm de torque logo cedo fazem toda a diferença. Eu achava forçado os resultados de testes com aceleração de 0-100km/h abaixo dos 10 segundos (coisa que Civic 2.0 não faz direito), mas agora entendi na prática. O barulinho metálico é bacaninha nas acelerações. E só isso de barulho, porque esse foi o ponto que considerei o mais alto no carro, especialmente porque prezo por conforto e rodar em estradas: o silêncio a bordo. O carro é bem vedado tanto contra o ruído do motor quanto de rodagem dos pneus e do vento. Pra quem viaja muito como eu, isso faz toda a diferença para chegar mais descansado, sem aquele zumbido no ouvido. Em condução normal, o câmbio mantém a rotação sempre bem baixa. E as trocas são extremamente rápidas. Chega a ser curioso, porque tanto Polo quanto 208 usam o mesmo câmbio AISIN de 6 marchas, mas o software de cada um (e o casamento com o motor) são diferentes, mas achei o da VW incrivelmente mais rápido, tanto na condução normal quanto na "chamada" de marcha no manual (no caso do polo, via borboletas no volante). A suspensão também é bem mais macia que a do 208. Passei em alguns buracos de propósito e o carro chacoalha bem menos, além de se ouvir muito menos ruído (conforme já havia dito).

Enfim, para o meu uso, essas vantagens do conjunto motriz, conforto (tanto de suspensão quanto de ruídos em geral) e espaço me fariam ter no Polo uma escolha óbvia. Maaas, como nem tudo são flores, os problemas: pagam bem menos no meu usado (teria que continuar tentando vender o meu no particular), taxas ridículas no financiamento, mais de 2% ao mês, mesmo dando 50mil de entrada (quase 70% do valor do bem!) e o pior: prometendo entregar NO FINAL DE JANEIRO!

Momento desabafo... lá em 2014, optei pelo meu Griffe pela melhor condição da rede, que pagou bem no meu usado e fez taxa 0%. Mas era a segunda opção. Agora em 2017, quase 2018, novamente posso fechar num 208 que está sendo segunda opção, a depender do desfecho dessas negociações e condições que tive! haha! Vamos que vamos!

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

A PSA nos faz pensar em respirar novos ares mesmo com nossos corações pedindo para ficar. Racionalmente o 208 esta deixando de ser A opção mas nem tudo que fazemos é racionalle né rsrsrs...vai que...

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 11/7/2017 at 9:21 AM, gportela said:

 Tive um griffe 2014 e atualmente tenho um griffe 2016 e já veio capado de manta do capô, cobertura dos parafusos do cinto de segurança, gancho para reboque, isolamento embaixo do painel (onde fixamos os iluminadores do footlight), protetor de carter, plaquinha com a indicação do motor (ficava embaixo do numeral 208). Na linha 2017 caparam o farol com projetor e mudaram o painel, ao que me lembre mudou o tom da faixa.

 

- Manta do capô: consegui uma unidade com, mas na época, no show room, estavam todos sem
- Cobertura dos parafusos do cinto de segurança: não tinha reparado
- Gancho para reboque: não tinha reparado
- Isolamento embaixo do painel (onde fixamos os iluminadores do footlight): O meu ainda tem
- Protetor de carter: "ganhei" de cortesia.
- Plaquinha com a indicação do motor (ficava embaixo do numeral 208): É o emblema Flex Start?

On 11/8/2017 at 3:21 PM, lucasrizzo said:

Agora que o carro já começou a me dar algumas dores de cabeça, comecei a pensar em trocar. Sabia que ia encontrar boas opiniões da galera aqui.

[...]

O Argo me agradou, mas já li vários relatos de como o start e stop, por exemplo, simplesmente não funciona. E o visual do Polo não me desce (essa reciclagem de design da VW não faz sentido na minha cabeça).

 

Qual dores de cabeça ele ta dando?

Sobre o Start & Stop vi diversos vídeos no YT mostrando isso. É um recurso bem bacana pra economia de combustível, mas você perde conforto em dirigir. A FCA usa o sistema da Magneti Marelli: https://www.magnetimarelli.com/pt/sala_de_imprensa/noticias/diversas-tecnologias-magneti-marelli-equipam-o-fiat-argo-com-destaque-para


Semanas atrás aluguei uma Q3 Attraction (câmbio DSG e start&stop) pela Localiza. Mesmo com uma das melhores transmissões do mercado, os "soluços" que o carro faz ao partir o motor e sair no trânsito é ruim :-/ A injeção é Bosch.

Edited by Dantas

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 11/8/2017 at 9:42 PM, Cheetos said:

Eu gostei do modelo 17 ter finalmente ganho o AT6, e Isofix, que eram dois pontos (especialmente o segundo) importantes pra mim.

Os paddle shifts realmente são interessantes, mas acho que depende também da calibração do câmbio.

Só de ter a opção na manopla já ajuda, no Fit não tem, por exemplo.

 

Não fez sentido eles removerem ISOFIX no lançamento em 2014, quando da tropicalização da plataforma PF1. Agora tiveram que "voltar".
Nenhum veículo PSA com transmissão AT6 e motor EC5 vi com paddle shift. Só vi as adaptações que a galera faz pro THP com essa transmissão.
Você deve estar certo da calibração do câmbio suportar trocas manuais em D (Drive).

Curiosidade: O DSG quando você aciona o paddle shift, ele chaveia a caixa pra M (Manual). Se você quiser voltar a guiar em D (Drive) deve selecionar novamente.
Achei ruim, ainda mais os comandos serem fixos no aro do volante. A ergonia desse controle na PSA é melhor.

On 11/12/2017 at 1:28 AM, greatwalker said:

Vi de perto o 208 Urbantech e, realmente, o bicho é bonito!

Na negociação, consegui chegar em 35mil de volta, dando o meu Griffe 2014 (FIPE atual em 38mil, aproximadamente).

Depois fui para a VW, com cocktail de apresentação do Polo. Concessionária lotada, fila para o "best drive", já que eles tinham apenas um highline para andar. De cara, uma enorme decepção: só tinham expostos na loja as versões 1.0 aspirada e 1.6 MSI, que acreditem, são nojentas de feias no acabamento interno (e bem sem graça por fora também, sem nem um farol de neblina pra dar uma melhorada). Sério, os plásticos dos painéis de porta, console e demais partes onde é possível ser de plástico é daqueles plásticos beeem vagabundos, num tom cinza claro, bem cara de carro chinês barato.

 

 

Esse Urbantech me parecer ser uma releitura do que era o 206 Techo: edição mais carregada de equipamentos, baseada numa versão intermediária. Eu gostei.

Sobre a negóciação com seu usado, estão pagando muito bem heim. Meu Griffe vale R$ 52 mil de tabela, a CCS quis pagar R$ 42 mil na troca por uma 2008. Você deve verificar se não estão "jogando" com os números. Pagando mais no seu carro, porém cobrando mais no valor do 0km.

Fui conhecer o Polo Highlight e concordo em quase tudo o que você disse. Frustrante eles utilizarem aquele tipo de plástico no acabamento.
No Up! eles conseguem enganhar com uns adesivos imitando fibra de carbono. Fica bom, elegante e transmisse sensação de qualidade.
Do jeito que é a VW é ligada no feedback da imprensa e consumidores, vão consertar isso com os adesivos usados no Up!. Ficaria bom.

Por fora, pelo fato de parecer com Gol, a mim não importa muito. A VW, como outras montadoras (incluindo a PSA), já há algum tempo adotam uma identidade visual única. O Passat é facilmente confundível com um Voyage de longe. Como disse Bob Sharp na avaliação: nínguem reclama por todas por uma BMW série 1 ter o desenho externo de uma série 5.

Edited by Dantas

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fui ver o Argo. A qualidade dos plásticos internos nem se compara com os do Polo. Iguala-se aos primeiros 208.

Quando o vendedor soltou: "A FIAT comprou a Chrysler e a JEEP. Agora todos os carros dela serão assim" deu vontade de rir hehehe. Coitado os fãs dessas marcas americanas. O ruim é esse motor 1.8. Ele já deu o que tinha que dar. Curioso: a Fiat foi a primeira das grandes no BR a introduzir motor turbo (com o Tipo) e agora no lineup deles, quase não há opção. Acho que a exceção é o 500 Abarth.

Enfim, na faixa dos 70 mil acho que não temos modelo "perfeito". Tecnologicamente, Argo e Polo são bem parecidos, porém:

Polo: Qualidade na construção e montagem, conjunto motriz único. Acabamento interno e desenho externo questionáveis.
Argo: Ambientação da cambine de muito bom gosto. Mecânica não muito "confiável".

Em tempo: Nas CCS VW que passei, só tem a pronta entrega o 1.0 e 1.6 MSI. O Highline TSI 200 entrega só ano que vem (sem data especificada). Tem loja que nem está autorizada a vender esses modelos ainda.
 

Edited by Dantas
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Greatwalker eu acho o Urbantech muito caro para pouca coisa, prefiro um GT usado. Quem disse que o urban é intermediário está equivocado, ele tem tudo que o Griffe tem, sensor crepuscular, sensor de chuva, sensor de estacionamento dianteiro, vem com as rodas 17" e seis airbags. Se eles custasse o mesmo valor do Griffe ia vender muito, mas esse roxo é feio demais, acabamento dos bancos também achei feio (o do novo GT outra carniça) e a central é bem xingling forçada na moldura, bem feia também.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 17/11/2017 at 17:01, Dantas said:

- Manta do capô: consegui uma unidade com, mas na época, no show room, estavam todos sem
- Cobertura dos parafusos do cinto de segurança: não tinha reparado
- Gancho para reboque: não tinha reparado
- Isolamento embaixo do painel (onde fixamos os iluminadores do footlight): O meu ainda tem
- Protetor de carter: "ganhei" de cortesia.
- Plaquinha com a indicação do motor (ficava embaixo do numeral 208): É o emblema Flex Start?

Qual dores de cabeça ele ta dando?

Sobre o Start & Stop vi diversos vídeos no YT mostrando isso. É um recurso bem bacana pra economia de combustível, mas você perde conforto em dirigir. A FCA usa o sistema da Magneti Marelli: https://www.magnetimarelli.com/pt/sala_de_imprensa/noticias/diversas-tecnologias-magneti-marelli-equipam-o-fiat-argo-com-destaque-para


Semanas atrás aluguei uma Q3 Attraction (câmbio DSG e start&stop) pela Localiza. Mesmo com uma das melhores transmissões do mercado, os "soluços" que o carro faz ao partir o motor e sair no trânsito é ruim :-/ A injeção é Bosch.

É esse emblema mesmo Dantas e pasmem, custa 120 reais na concessionária local. Meu griffe é 16/16, talvez por isso o meu ainda tenha menos coisas que o seu que é 15/16, talvez. Outra coisa que esqueci de mencionar foi que no 16 a cobertura do motor é igual ao do TU5JP4 ao invés daquela grande que vieram nos EC5 até pelo menos os modelo 15.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 17/11/2017 at 18:40, Dantas said:

Esse Urbantech me parecer ser uma releitura do que era o 206 Techo: edição mais carregada de equipamentos, baseada numa versão intermediária. Eu gostei.

Sobre a negóciação com seu usado, estão pagando muito bem heim. Meu Griffe vale R$ 52 mil de tabela, a CCS quis pagar R$ 42 mil na troca por uma 2008. Você deve verificar se não estão "jogando" com os números. Pagando mais no seu carro, porém cobrando mais no valor do 0km.

Como o pessoal respondeu já na sequência, na real o Urbantech é baseada na versão mais cara, a Griffe, ficando apenas abaixo da GT que creio ser considerada meio que especial. Mas se você mencionou intermediária justamente por ser abaixo da GT, acho que estamos todos de acordo! haha

O grande ponto da negociação foi esse mesmo: eu negociei "a volta", independentemente do valor pago pelo meu ou pelo zero. Inclusive deixei isso claro, que o vendedor poderia declarar o valor que quisesse, tanto no zero Km quanto no meu usado, afim de conseguir o melhor valor possível efetivo na volta que mencionei.

No final das contas, voltei na CCS sábado e alinhei os detalhes. A proposta formal ficou como venda do Urbantech por 70.000, com o meu usado (Griffe 2014 manual com 92mil km) entrando por 35.000, resultando na volta de 35.000 que mencionei, e podendo financiar essa volta em até 36x com taxa subsidiada de 0,69% a.m. O vendedor ainda tentou me cobrar 500 reais para poder usar essa taxa, além de ter tentando embutir aquele seguro no financiamento que somava mais 950 reais. Pedi que tirasse estes dois itens e aí sim fechei. Mas voltando aos valores, se for pensar no preço de tabela de 74k do Urbantech, poderia dizer que me pagaram 39k no usado, 500 reais acima da FIPE! haha

 

On 17/11/2017 at 18:40, Dantas said:

Enfim, na faixa dos 70 mil acho que não temos modelo "perfeito". Tecnologicamente, Argo e Polo são bem parecidos, porém:

Polo: Qualidade na construção e montagem, conjunto motriz único. Acabamento interno e desenho externo questionáveis.
Argo: Ambientação da cambine de muito bom gosto. Mecânica não muito "confiável".

Em tempo: Nas CCS VW que passei, só tem a pronta entrega o 1.0 e 1.6 MSI. O Highline TSI 200 entrega só ano que vem (sem data especificada). Tem loja que nem está autorizada a vender esses modelos ainda.
 

Concordo. Para o meu uso, os atributos onde o Polo se sobressai dão a ele uma boa vantagem. Mas, de fato, não existe uma escolha que agrade a todos não.

Com relação a entrega do Polo, comentei justamente isso no meu post anterior, e foi também um dos fatores para desistir dele nesse momento: aqui na região também só possuem os 1.0 e MSI para entregar e para ver na loja, e um Highline de test-drive, e fazendo o pedido hoje de um Confortline ou Highline, prometem entregar apenas no final de janeiro/2018, mas ao menos estão autorizados a vender.

21 hours ago, Nitsche13 said:

Greatwalker eu acho o Urbantech muito caro para pouca coisa, prefiro um GT usado. Quem disse que o urban é intermediário está equivocado, ele tem tudo que o Griffe tem, sensor crepuscular, sensor de chuva, sensor de estacionamento dianteiro, vem com as rodas 17" e seis airbags. Se eles custasse o mesmo valor do Griffe ia vender muito, mas esse roxo é feio demais, acabamento dos bancos também achei feio (o do novo GT outra carniça) e a central é bem xingling forçada na moldura, bem feia também.

Também acho! haha! Inclusive comentamos bastante nas últimas páginas deste tópico. O fato é que o Griffe já parte de 70.500 e ainda cobra pela pintura metálica ou perolizada, chegando a 72k. Por dois mil a mais, já está inclusa a pintura e ganha-se os "extras" do Urbantech que, ao meu ver, só os bancos com aqueles detalhes em couro e a roda 17" já valem a diferença. No meu caso, ele acabou saindo oficialmente pelo preço do Griffe sim, além das condições de entrega do meu usado e boa taxa para financiar que citei acima.

Mas, realmente, comparado aos concorrentes (Polo e Argo), também acho um custo/benefício ruim.

-------------

Enfim, para os que acompanharam meus relatos aí, fica meu retorno aí para os próximos dias com o novo leãozinho! :D

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se foi preço do Griffe beleza, pois ele tem tudo do griffe ne? O Urban é automático? Eu ainda prefiro o GT usado, eu acho que o Urban podia vi com ESP e o farol do GT. So teria o urban se fosse o roxo fosco plotado, igual os premier. Ele tem aero o urban?

Share this post


Link to post
Share on other sites
12 minutes ago, Nitsche13 said:

Se foi preço do Griffe beleza, pois ele tem tudo do griffe ne? O Urban é automático? Eu ainda prefiro o GT usado, eu acho que o Urban podia vi com ESP e o farol do GT. So teria o urban se fosse o roxo fosco plotado, igual os premier. Ele tem aero o urban?

Sim, saiu pelo preço do Griffe (até menos), pagando um bom valor no meu usado e com uma boa taxa. Como disse, não era minha primeira opção, mas as condições acabaram ficando bem melhores do que a concorrência. Eu não poderia esperar muito para trocar pois o meu estava com os pneus já no indicador do treadwear e com algumas coisinhas por fazer já para agora. Então acabei considerando um bom negócio...

Esse Urbantech tem tudo do Griffe e umas frescuras a mais. O Griffe atual tinha perdido o banco traseiro bi-partido, por exemplo, coisa que mantiveram no Urbantech. Mas os destaques são mesmo as rodas do GT (porém sem a pintura em dois tons), revestimento dos bancos num misto de tecido e couro, painel com aquele material "soft touch stellar" também do GT, volante do Sport (em couro perfurado e costuras vermelhas, quase igual ao do GT porém sem as letrinhas GT na base dele) e capas dos retrovisores cromada (que achei feio, sinceramente! haha). Os demais opcionais são iguais ao Griffe, incluindo a única opção de câmbio automático sim, já com o aisin de 6 marchas. O aerofólio foi promessa do vendedor, eu disse que só compraria se ele me conseguisse um, nem que eu tivesse que arcar com algum custo da instalação. Vamos ver se cumpre mesmo. Mas não vem de série não, apenas no Sport e no GT.

Também acho que faltaram os controles ativos de segurança, mas creio que isso implicaria na mudança de boa parte da arquitetura eletrônica. Não que justifique, penso que a Peugeot esteja ficando pra trás da concorrência ao negligenciar itens como estes, mas enfim... O farol também seria uma boa, ainda mais que o meu Griffe 2014 tinha tando DRL quanto projetores! Uma perda considerável, aos olhos mais atentos como os nossos.

Concordo que hoje já se consegue um 208 GT semi-novo por 70k ou até menos, mas pra mim o principal requisito era ser automático, senão nem trocaria o meu Griffe 2014. É outra proposta, né? Apesar de entender o apelo esportivo dele, e concordar com o câmbio manual, para o meeeu uso, o sonho seria um GT automático! haha

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esportivo e automático, não falam a mesma língua. A não ser super esportivos com super câmbios, semiautomáticos.  Eu duvido muito que lhe darão o Aero, pois com desconto do Junior sem pintar e instalar sai a R$ 1.900,00 isso porque ele usa de referência preço do Diagbox. Outras CSS devem ter preço para consumidor de 3 mil, então não fique esperançoso, pois já era 75 mil caiu para 70 e ainda pagaram bem no seu Griffe que tem uns poréns rs. Manda plotar ele de fosco purple igual o Premier, vai ficar bem exclusivo. O urban tem follow me home e opção de deixar o DRL de dia ligado? Se tiver você compra os meus faróis do Griffe e manda fazer mascara negra. O retro cromado é xuning demais, coloca um preto preto, cinza ou até mesmo da cor do carro. Cara uma das coisas que comprei o Griffe foram os bancos bi-partidos (carrego minhas coisas de hockey assim, porque não cabe no porta malas rs)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×