Jump to content
Sign in to follow this  
Andrey

Guia De Compra - Peugeot 307

Recommended Posts

Guia de compra - Peugeot 307

 

O carro tem boa imagem no mercado, é bem equipado e está vendendo acima da meta da empresa

 

Texto: Alexandre Ule Ramos e Agência AutoInforme

Fotos: Mario Villaescusa

 

Lançado em 2002 no Brasil, o Peugeot 307 tem nas linhas marcantes seu grande trunfo. Tanto que acaba de ser lançada a versão reestilizada, mas nem por isso pode-se dizer que o desenho anterior envelheceu. As unidades vendidas no Brasil até 2004 eram fabricadas em Sochaux, na França, e contavam apenas com uma opção de motor: o quatro-cilindros de 1,6 litro e 16 válvulas (quatro por cilindro: duas para admissão, duas para escape), com 110 cv de potência. Trata-se da mesma unidade encontrada na linha 206.

 

Sua plataforma era inédita na época do lançamento, dando origem a uma nova família de veículos do grupo PSA, proprietário das marcas Peugeot e Citroën. Com 4,2 metros de comprimento e 1,73 metro de largura, o Peugeot 307 apresenta 1,53 metro de altura, o que o aproxima muito em desenho de um monovolume. Contribui para isso o fato de contar com grandes portas, sendo que as dianteiras contam até mesmo com quebra-ventos fixos, e muito bom espaço interno. O porta-malas tem 341 litros de capacidade.

 

O 307 chegou bem equipado, em três versões de acabamento: a básica Soleil, a intermediária Passion e a top Rallye. Com 1.268 kg, o motor de 1,6 litro não conferia grande agilidade ao modelo, mas itens como regulagem de altura do volante e do banco do motorista, conta-giros, airbag duplo, entre outros, aliados ao belo desenho tornavam o veículo uma opção interessante no segmento. Dependendo da versão, o 307 contava com sensor de chuva, de luminosidade (acendimento automático dos faróis), faróis de neblina, rodas de liga-leve, entre outros equipamentos. Havia ainda o interessante AFU, um sistema mecânico cuja sigla, em francês, significa auxílio às frenagens de emergência.

 

Em 2003 surge a versão Rallye 2,0-litros 16V, com motor de 138 cv de potência – também o mesmo utilizado em outros carros da PSA, como a Citroën Picasso. Mas infelizmente a Peugeot não distinguiu a nova versão da equipada com motor 1,6-litro 16V, o que talvez tenha contribuído para que as vendas do 307 não embalassem. E havia justificativa de sobras para isso, como os 25% a mais de potência e 32% a mais de torque. Além disso, o 307 2,0-litros trazia praticamente todos os itens de série, como sensor de chuva, de acendimento de faróis, CD player com controle de som no volante, rodas de liga-leve, duplo airbag, espelhos externos rebatíveis e interno com lente fotocrômica, painel com acabamento cinza, entre outros. Outro fator pesava, no entanto: o fato dele continuar a ser importado da França. A fábrica estava praticamente no prejuízo com o carro aqui no Brasil e não o trabalhava em marketing, jogando com a estratégia do “se vender, vendeu”.

 

Essa situação só se resolveria em 2004, quando o 307 passou a ser feito na Argentina, na unidade de El Palomar e sofreu algumas mudanças. Para começar, teve alterações no material fonoabsorvente, sendo “empobrecido” nesse aspecto. As buchas da suspensão dianteira também foram modificadas, pois na versão francesa tinham a forte tendência de apresentar ruídos com o uso. Suas demais características, porém, permaneceram inalteradas.

 

As versões foram reorganizadas e renomeadas, passando a ser Presence e Presence Pack, com motorização de 1,6 litro e 16V, de 110 cv; e Feline e Rallye, com o motor 2-litros 16V, com 138 cv. Uma novidade foi a disponibilidade da transmissão automática AL4, de quatro velocidades, com sistema de engate manual Tiptronic, como opcional para as versões com motor de 2 litros. Mas esse câmbio apresenta algumas características de funcionamento que podem causar estranheza ao motorista, como a demora nas respostas quando o acelerador é acionado até o fundo repentinamente.

 

Em 2005 a versão Rallye foi descontinuada e no final de abril chegou o 307 reestilizado, com mudanças principalmente na parte dianteira. Em mecânica, houve alterações no motor de 2 litros e a introdução do 1,6-litro flexível em combustível (roda com álcool, gasolina ou qualquer mistura de ambos). Confira a matéria sobre o 307 novo clicando aqui.

 

Mercado

 

Embora seja o quinto carro mais vendido de um segmento onde existem apenas seis concorrentes, o Peugeot 307 é o hatch médio menos depreciado, isto é: é o modelo que menos perde valor após um ano de uso. Na época do lançamento, em 2004, a Peugeot estimava vender cerca de 500 unidades por mês do 307 feito na Argentina, o que seria ao dobro do modelo anterior, importado da França.

 

A previsão da fabricante se confirmou e até superou as expectativas. No ano passado a Peugeot vendeu uma média mensal de 654 unidades e, neste ano, o desempenho está ligeiramente maior, com 748 unidades por mês. De janeiro a maio foram vendidas 2.993 unidades, ainda assim um volume pequeno em relação aos seus concorrentes.

 

Quem lidera o segmento é o Astra, com 8.200 unidades de janeiro a maio. Stilo e Golf vêm em seguida, com praticamente o mesmo volume de vendas: 3.790 e 3.780, respectivamente. O Focus vendeu 3.585 unidades no período.

 

Atrativo é o que não falta ao Peugeot 307. O carro é muito bem equipado e, além de tudo, tem baixa depreciação em relação aos concorrentes. O Peugeot 307 perde no primeiro ano de uso de 8,2% a 9% do valor inicial, conforme pesquisa mensal de Depreciação da Agência AutoInforme.

 

O Astra tem depreciação maior, de 9,2% a 10,3%. O Golf perde de 9% a 10% dependendo da versão. O preço do Focus se deprecia 11,8%. O Stilo é o campeão da desvalorização: 12,5%, na média.

 

As versões com motor 2,0-litros estão sendo vendidas com um bom desconto: 6,6% para o carro com câmbio manual e 8,8% o automático. Já as versões 1,6-litro são vendidas ao preço de tabela.

 

Vendas janeiro a maio/2006

Veículo Unidades

 

Astra 8.200

 

Stilo 3.790

 

Golf 3.780

 

Focus 3.585

 

Peugeot 307 2.993

 

Audi A3 976

 

Depreciação

Veículo Depreciação

 

PEUGEOT 307 HATCH FELINE 2.0 16v(Automático) -8,86

 

PEUGEOT 307 HATCH PRESENCE 1.6 16v -8,38

 

PEUGEOT 307 HATCH PRESENCE(Pack) 1.6 16v -8,18

 

PEUGEOT 307 HATCH RALLYE 2.0 16v -8,32

 

PEUGEOT 307 HATCH RALLYE 2.0 16v(Automático) -9,03

Fonte: Agência AutoInforme

 

Desconto

Veículo Tabela Preço real Desconto (%)

 

307 Feline 2.0 16V 61.910 57.800 -6,6

 

307 Feline 2.0 16V automático 66.910 61.000 -8,8

 

307 Perua 2.0 16V automático 84.450 83.900 -0,7

 

307 Presence 1.6 16v 53.900 53.784 -0,2

Fonte: AutoInforme/Molicar

 

Comprando um 307 usado

 

A primeira dica que deve ser seguida ao se procurar um 307 é: não compre um carro sem ar-condicionado. Mesmo que o preço seja bem mais baixo que os outros à venda, fuja dos modelos sem esse equipamento, pois é muito difícil para revendê-los depois. Nas primeiras unidades, o acoplamento do coletor com a tubulação de escape fazia barulho, mas o problema foi resolvido posteriormente; existe uma vibração vinda do assoalho, sentida principalmente em arrancadas e velocidades constantes, que provavelmente tem origem no fato do 307 vendido no Brasil ser 3 cm mais alto que nas versões européias. Com o centro de gravidade mais alto, a vibração acaba ocorrendo.

 

A suspensão traseira tem curso muito curto e quando o carro está carregado, ou mesmo quando está somente com o motorista, mas o piso é irregular, as batidas que vêm da traseira incomodam. O pedal da embreagem pode vir a apresentar rangidos, assim como o banco do motorista pode ter folgas e ruídos. As maçanetas externas de algumas unidades perdem o acabamento e, finalmente, olho vivo nas unidades equipadas com caixa automática. Em alguns carros, o câmbio apresenta problemas de engates e, nas acelerações, uma hesitação excessiva, que deve ser verificada na concessionária. Boa sorte!

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meus caros boa tarde!

 

Sou novo aqui no CLUBE DO PEUGEOT, embora já participar da família PEUGEOT por algum tempo, ter sido um feliz proprietário de um 206 TECHNO 2003 filé (que ficou comigo até os 150 mil km sem me dar dor de cabeça alguma e vendi muito bem por sinal), minha família possuir um 206 FELINE 2006, ou seja, sou um fã da PEUGEOT. Quero fazer umas colocações, para quem quer comprar um 307 usado.

 

Acabei de adquirir um 307 SEDAN FELINE 2008 AUT., o sedan sem dúvida não é o mais bonito da série, entretanto o custo benefício é incrível! Um carro com cambio tiptronic, ar digital bizone, air bag duplo, abs, controle de frenagem, conforto único e design interessantíssimo (tirando a traseira) por R$30 mil não existe no mercado!!!

 

Estudei muito sobre o carro, a marca, com mecânicas especializadas aqui em Floripa, proprietários e amigos que tenho em concessionárias. O que me falaram para atentar, são basicamente dois itens:

 

- SUSPENSÃO, é excelente entretanto para trocá-la prepara-se para gastar uma certa quantia, mesmo assim ainda fica mais barata que alguns outros modelos como era o caso do MEGANE, carro que também andei sondando. Fazer um teste em ruas de paralelepipedo ou com irregularidades é a melhor pedida, além se possível levar um bom mecânico que vai notar na hora caso seja necessário algum reparo.

 

- CÂMBIO AUTOMÁTICO, minha sugestão, levem para uma concessionária ou mecânico especializado. O cambio do 307 trabalha como os automáticos da HONDA, sem filtro de óleo, estes modelos possuem "sensores"que quando não possuem a devida manutenção dão uma baita dor de cabeça. Assim que for visto que o cambio está em perfeitas condições de uso e se o carro já passa dos 60 mil km TROQUE O FLUÍDO DA CAIXA DE CAMBIO, ela deve ser trocada de 60 em 60 mil km e é a forma de manutenção desta peça importantíssima e que vale caso seja necessária uma troca mais de R$4 mil!!!! Inclusive mais uma questão esta troca de óleo varia de R$500 a R$1100 pelas pesquisas que fiz. Já que o preço é salgado ao meu ver, negociei com a concessionária que comprei para que pagassem e dessa forma eu fechasse negócio.

 

Outras questões que não me foram tão surpreendentes citadas pelos entendidos no assunto foi, teste bem o ar-condicionado, parte elétrica mas isso é um tanto quanto básico na compra de um automóvel.

 

Senhores, tenho certeza que fiz uma excelente escolha! O carro é surpreendente, maravilhoso design, custo benefício único, conforto exemplar! Boa sorte aos que entrarem para o mundo PEUGEOT como eu fiz!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Louis, e agora depois desses meses com o 307 sedan, o que você me diz? Estou quase comprando um do jeito do seu, porém foi muito bom as observações que você colocou.

Já tenho um 206 Rallye 1.6 16v, mas estou precisando viajar muito e pretendo mudar para o 307. Ele é bom na estrada como o 206?

 

Sucesso!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Duvida

 

Quero pegar um 307 mais qual seria o melhor o modelo antigo rallye com o 2,0 antigo, ou o feline com o 2,0 novo? seu que o feline é uma pedida melhor porem a grana impede por horea e queria saber se esse modelo mais velho do 307 com o 2,0 é bom, é complicado achar peças para esse motor? naop tava querendo o 1.6 pois acho que ia ficar muito justo a relação peso potencia e vim de um rallye onde o 1.6 sobrava, entao oque me recomendao?

 

esse 307 rallye 2.0 é uma boa ou vou ter dor de cabeças com ele????

Share this post


Link to post
Share on other sites

adiquiri um 307 soleil 1.6 2002 gostei bastante mas ta aparecendo na tela do cb anomalia abs e a luz do painel n apaga, levei em um eletrico ele disse q esta fucionando o freio abs e q seria provavelmente um sensos das rodas procede? o q faço? obrigado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ola, sou novo por aqui, estou em duviva se pego um 307 passion1.6 2002 ou um 206 2006 o que voces tem a me dizer, caso de manutencao o 307 é um carro problematico .. as peças sao muito mais elevada?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Muito bom o Tópico!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Muito bom o tópico mas não me ajudou muito em entender a diferença entre os modelos de 307 Ph2, sendo assim queria ver se alguem pode me explicar melhor as diferenças, pois estou na duvida entre um 1.6 16v ou o 2.0 fora isso qual modelo (griffe, allure, PP, Rally) e indicar qual a melhor opção de compra pra ter o veiculo mais completo da linha 307.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cara vou tentar explicar o que aparentemente sei sobre os modelos hehe
Algum erro por favor me corrijam

Em 2007 primeiro ano dos Ph2:
Existiam Presence (1.6) -> Feline (2.0 manual e aut) -> Griffé (2.0 somente aut)

 

E assim foram até 2008 (única alteração é que os modelos passaram a ser todos Flex).

Em 2009
Surgiu a versão Presence Pack, sendo esta a versão presence 1.6, mas encorporava como principais detalhes estéticos rodas 16' Equinoxe e teto.
A versão Griffé deixa de existir e a versão Feline passa a ser a mais completa da linha.
Ficando assim:
Presence (1.6) -> Presence Pack (1.6) -> Feline (2.0 Manual e aut)

Em 2010 lançaram a versão "especial" Millesim 200 que era 1.6, rodas 15 cotya, aerofolio, ponteira cromada de escape e "gps" embutido como principais itens.
E também lançaram uma versão 2.0 Aut Presence Pack, isto é colocaram um motor 2.0 nos presence pack. Perdendo a característica que antes tinha, de todos os 2.0 terem no mínimo Ar dual zone, sensor de chuva, sensor de luminosidade.
Ficando assim:
Presence (1.6) -> Millesim 200 (1.6) -> Presence Pack 1.6 -> Presence Pack 2.0 -> Feline (2.0 manual e aut)

Em 2011 lançaram a versão Premium, que basicamente mudaram o nome para ocupar o local do feline. E deixou de existir a versão 2.0 aliado ao câmbio manual).
Também ocorreu um pacote especial nos modelos presence pack, que poderia ser adicionado ar dual zone, sensores e bla bla, como se fosse uma Presence Pack "Plus"
E a versão Presence Pack 2.0 deixa de existir.
Ficando assim:
Presence 1.6 -> Presence Pack 1.6 -> Presence Pack 1.6 "plus" -> Premium (2.0 Somente aut)

E assim o peugeot manteve até a linha 2012, quando foi substituída pelo 308.

Olha escrevi tudo isso com base no que "estudei" no convívio dos meus 5 anos de 307 haha
Logicamente devem existir mais versões "limitadas" que não me recordei, mas o básico das versões são essas.
E mais uma vez me corrijam se errei algo hehe

Espero ter ajudado! :)


  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

O fase 2 tem o mais completo até 2008 só gasolina que é o Griffe. Depois a partir de 2009 flex é o Feline. O mais completo tem banco de couro, teto solar, apoio de braço nos bancos dianteiros, ar digital dual zone, sensores de chuva e farol, retrovisor crepuscular, retrovisor externo rebatível eletricamente, painel branco, e várias outras coisas. Procure por estes dois modelos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu já tive 2 307. Um Feline 2008 gasolina manual, e agora um 2010 feline flex automático. Nunca tive problemas com manutenção a não ser preventiva. É a mesma base de preço que a manutenção de um 207, eu acho, que inclusive já tive. 307 é espetacular, na minha opinião o melhor carro que a Peugeot trouxe pra cá, no preço acessível.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Comprei meu primeiro 307 Premium Aut. 2.0, essa semana vamos ver como se comporta.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olhando o primeiro post falando sobre 307 e as vendas da categoria, percebe-se o quanto brasileiro sabe comprar carro, astra vender mais que o 307 :fuuu: em termos de tecnologia e acabamento interno o astra parece uma carroça comparado com A3 e 307, nenhum da lista se compara ao dois modelos, entendo que o astra anda bem, mas fica só nisso. analisando o mercado de uns 10 anos atras dá pra ver porque Peugeot tem uma fama ruim, brasileiro gosta de queixo duro só com ar condicionado e nada mais, quebrou arruma com arame :bwahaha::bwahaha:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×