Jump to content
Dayvison Canelas

Quantidade De Peugeots Vendidos Por Mês

Recommended Posts

Na minha humilde opinião, pra realidade do nosso mercado e o que os impostos permitem fazer, estamos com o crème de la crème tendo o 208 e o 308 na foma atual. Não são os Europeus, lógicamente, mas não devem absolutamente nada para a concorrência. Podem ter seus altos e baixos em alguns detalhes, mas pelo conjunto da obra são superiores e bem honestos no que se propõem!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Na minha humilde opinião, pra realidade do nosso mercado e o que os impostos permitem fazer, estamos com o crème de la crème tendo o 208 e o 308 na foma atual. Não são os Europeus, lógicamente, mas não devem absolutamente nada para a concorrência. Podem ter seus altos e baixos em alguns detalhes, mas pelo conjunto da obra são superiores e bem honestos no que se propõem!

 

Concordo!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esses dias estive pensando: com a febre dos carros automáticos nas grandes capitais, qual o motivo da peugeot ter tirado o 207 automático de linha?

Deveriam era ter colocado a versão intermediaria com cambio AT e um preço menor, isso sim.

Creio que ajudaria no mix de vendas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Creio, em breve, venham com a estratégia de manter apenas o 208 como versão de entrada após depenarem mais o carro e oferecerem em torno de 33/37 mil, mas com um menor 1.0.

Share this post


Link to post
Share on other sites

MÊS: OUTUBRO DE 2013

 

1º Peugeot 208: 2.336 (Versões: Active 1.5, Active Pack 1.5, Allure 1.5, Griffe 1.6 e Griffe 1.6 automático-4 marchas)

 

2º Peugeot 308: 897 (Versões: Active 1.6, Allure 2.0, Allure 2.0 automático-4 marchas- e griffe THP automático)

 

3º Peugeot 207: 655 (Versão única: Active 1.4 )

 

4º Peugeot 408: 380 (Versões: Allure 2.0, Allure 2.0 automático-4 marchas- e Griffe THP automático)

 

5º Peugeot 207 passion: 235 (Versões: Active 1.4 e Allure 1.4)

 

6º Peugeot 3008: 84 (Versões: Allure THP 1.6 automática e Griffe THP 1.6 automática)

 

7º Peugeot Hoggar: 55 (Versão única: X-line)

 

8º Peugeot RCZ: 26 (Versão única: THP 1.6 automática)

 

9º Peugeot 508: 9 (Versão única: THP 1.6 automática)

 

 

FONTE: Fenabrave

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que ainda vai subir bem as vendas do 208, dos modelos concorrentes no mercado atualmente nenhum é páreo para ele, digo isto com propriedade de quem já fez vários testes drives em onix, hb20, fox, punto e ex proprietário de um new fiesta 2014 brasileiro, e olha que o new tinha 107 cv, achei que o 1.5 ia ser manco em relação a ele, muito pelo contrario motorzinho excelente de torque e na estrada é só baixar uma quarta em ultrapassagens que ele não decepciona, o do new com 16 v. só enchia com giro muito alto, em questão de acabamento deixa os outros ainda mais para trás. Resumindo um feliz proprietário de um 208, muito satisfeito!

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

As vendas do 208 não vão subir, após o lançamento elas estabilizaram nessa faixa de 2300 carros por mês. Se não reduzirem o preço, aumentarem o número de air bags, incluírem ESP e substituírem o AL4/AT8 pelo AT6, as vendas vão continuar onde estão.

 

A Peugeot é conhecida pela sua morosidade em reagir mediante as respostas do mercado, se houve reclamação devido aos reduzidos itens de segurança, falta do vido elétrico traseiro na versão intermediária, ela já devia ter mudado tudo. E para quem pensa o contrário é só ver o que a Honda fez no novo Civic, que pouco tempo após seu lançamento, ela substituiu o motor 1.8 pelo 2.0 e hoje o carro está vendendo 7000!!! unidades mensais!

 

Só uma observação: Citroen C3 vendeu esse mês 3000 unidades.

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fui na Le Lac aqui em Curitiba onde comprei o 408THP e a vendedora disse que o 208 não está nem perto de vender o que eles esperavam.

 

A verdade é que o carro é caro e o NF oferece mais ba versão top. O onix ta vendendo que nem agua e não sobra mercado pro 208.

 

Acho muito bonito e compraria porque sou puguento, mas não tem chance de deslanchar no nosso mercado.

 

Enviado de meu GT-I9300 usando Tapatalk

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

As vendas do 208 não vão subir, após o lançamento elas estabilizaram nessa faixa de 2300 carros por mês. Se não reduzirem o preço, aumentarem o número de air bags, incluírem ESP e substituírem o AL4/AT8 pelo AT6, as vendas vão continuar onde estão.

 

A Peugeot é conhecida pela sua morosidade em reagir mediante as respostas do mercado, se houve reclamação devido aos reduzidos itens de segurança, falta do vido elétrico traseiro na versão intermediária, ela já devia ter mudado tudo. E para quem pensa o contrário é só ver o que a Honda fez no novo Civic, que pouco tempo após seu lançamento, ela substituiu o motor 1.8 pelo 2.0 e hoje o carro está vendendo 7000!!! unidades mensais!

 

Só uma observação: Citroen C3 vendeu esse mês 3000 unidades.

 

Concordo!

 

Também já deveriam ter chegado no mercado os modelos GTI e XY.

 

Mas, de urgência mesmo é mudar esse câmbio automático pra 6 marchas e colocar vidros elétricos traseiros.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tira o 207 de linha, coloca um motor 1.0 no 208, coloca ele partindo de 33k, abaixa os preços das versoes, equipe os carros e ai eu tenho certeza que as vendas irão aumentar

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tira o 207 de linha, coloca um motor 1.0 no 208, coloca ele partindo de 33k, abaixa os preços das versoes, equipe os carros e ai eu tenho certeza que as vendas irão aumentar

Tem mais problemas do que isso. O 208 enfrenta o Onix no mercado brbrhuehuehue, no qual gm é gm. Enfrenta o New Fiesta com 7 airbags e uma putaria de coisas, além de ser ford, mais cotado no brbrhuehuehue.

 

Enviado de meu GT-I9300 usando Tapatalk

 

 

  • Upvote 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tem mais problemas do que isso. O 208 enfrenta o Onix no mercado brbrhuehuehue, no qual gm é gm. Enfrenta o New Fiesta com 7 airbags e uma putaria de coisas, além de ser ford, mais cotado no brbrhuehuehue.

 

Enviado de meu GT-I9300 usando Tapatalk

Sim mano, o povo tem preconceito com a peugeot, era a hora dela inverter esse jogo, o 208 tem um excelente apelo visual ( coisa que o brasileiro da muita importancia ) era a hora de mudar o jogo, o produto é excelente, basta investir e melhorar aos poucos os varios problemas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O produto eh bom (208), mas a reputacao da marca esta no limbo. Essas vendas do 408 sao uma vergonha. Apesar de mais barato, sao poucas pessoas que arriscam comprar um carro argentino.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tem mais problemas do que isso. O 208 enfrenta o Onix no mercado brbrhuehuehue, no qual gm é gm. Enfrenta o New Fiesta com 7 airbags e uma putaria de coisas, além de ser ford, mais cotado no brbrhuehuehue.

 

Enviado de meu GT-I9300 usando Tapatalk

 

Sobre o Onix não posso falar nada, agora o new fiesta ( já tive um do modelo brasileiro ) é extremamente mal montado, carroceria toda desalinhada, pintura quebra em vez de arranhar e um péssimo pós venda, sem falar na qualidade do acabamento que em relação ao mexicano caiu muito, peugeot e citroen dão um banho em cima das nossas 4 tradicionais marcas!

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

  Sobre o Onix não posso falar nada, agora o new fiesta ( já tive um do modelo brasileiro ) é extremamente mal montado, carroceria toda desalinhada, pintura quebra em vez de arranhar e um péssimo pós venda, sem falar na qualidade do acabamento que em relação ao mexicano caiu muito, peugeot e citroen dão um banho em cima das nossas 4 tradicionais marcas!

Concordo. O problema é o senso comum brbrhuehuehue. Ford é ford e GM é GM.

 

Qualquer PSA é superior à qualquer "nacional" mas os imbecis falam mal sem nunca ter tido a experiência.

 

Enviado de meu GT-I9300 usando Tapatalk

 

 

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Concordo. Acho que o 208 vai manter uma média de 2.500 unidades mensais, o que é um bom resultado para um carro que custa mais de R$ 40 mil, tem o preconceito com a Peugeot jogando contra e muitas cidades não tem sequer uma concessionária da marca!

Não vou ficar comparando com Gol ou Fiesta com as vendas infladas pelo Rocam 1.0 de R$ 26 mil, sendo que Volks e Ford devem ter 2X, 4X o numero de CCs da Peugeot.

 

Pelos números acima, o 206 vendia entre 2.700 e 3.200 mensais. Isso com motor 1.0 e versão pelada para concorrer com Gol, Palio e Corsa!

Se a gente for considerar que o 208 é de uma categoria acima, mais caro, equipado e não tem versão 1.0, acho até que tá vendendo melhor que o 206!

 

 

Números, números... dá para brincar com eles.

 

Falar que o 206 no passado vendia A e agora o 208 vende quase A, não mostra todo o cenário. Quando o 206 vendia aquilo, ele estava em que posição em relação aos seus concorrentes/mercado? Qual era o mercado?

 

Vamos dar uma olhada em 3 quadros:

 

1 - Mercado 2003. Somente até Outubro, para poder comparar com o Quadro 2:

 

Posição Tot. Geral 1.149.285 Unidades

1 Gol 12,38% 142230

35 C3 0,54% 6215

13 PUG206 2,55% 29303

16 VWPolo 1,78% 20431

 

Mesmo sendo 1.0, era considerado premium na época.

 

2 - Quadro 2: Mercado 2013.Até outubro.:

Posição Total 2.500.626 Unidades

1 Gol 8,39% 209880

28 c3 1,12% 27941

8 HB20 4,04% 101003

24 Punto 1,38% 34542

47 PUG208 0,65% 16254

 

Interessante verificar que a frase: "Brasileiro gosta de porcaria", ainda é forte, mas não mais tão verdadeira: Apesar das vendas do Gol terem aumentado em números absolutos, em 10 anos a participação do mesmo no mercado diminuiu. O Gol está ali, por representar o tipo de carro que nós dizemos não serem nossos concorrentes.

 

Dentro de nossos concorrentes em 2003, o PUG estava bem na fita. 5x mais que c3 e 40% a mais que o outro compacto premium da VW....

 

Em 2013 o PUG 208 mantem uma média parecida de 2500 unidades mês. Mas isso em 2003 era um número. Hoje é outro....

 

Vejam o quadro 3 - Vendas totais de automóveis até outubro em 2003 e 2013:

 

Comparativo Mercado

2003 2013 %

1.149.285 2.500.626 217,58%

 

Bom, vou tentar comentar pouco, pois os números deveriam falar.

 

O mercado cresceu bastante(217%), por uma série de motivos. Por isso inclusive a quantidade de fábricas vindo ainda para cá.

 

Enquanto isso, como a peugeot se posicionou? Ela cresceu em vendas 200%? Deveria vender mais de 6380 208 por mês para estar no mesmo patamar de 2003. Estou dizendo MANTER. Então vender 2500 por mês é perder espaço sim. Não sei os lucros - preço mais caro- mas espaço de mercado sim.

 

O C3 cresceu tanto em % como em volume de vendas. "Acelerou" mais que o PUG por assim dizer. Ele sim cresceu com o mercado, 4x o volume em vendas e dobrou a sua participação. O interessante é que com desenho desatualizado e mesma faixa de preço que o atual 208. Vemos que as vendas do PUG após os primeiros meses, tem chegado a números próximos do C3. Mas deveriam na realidade ser maiores ao meu ver.

 

O C3 possui um tipo de público, que foi trabalhado no período. Esse publico é específico, e pode aumentar a medida que a fábrica trabalhe melhor o mesmo e o seu produto. Parece uma estratégia de crescimento mais consistente. O 208 demonstra que se perdeu. Perdeu o público original e não achou ainda o novo.

 

Surgiram outros concorrentes na linha compacto premium... e vejam, até a porcaria do punto, vende mais que o peugeot. Não coloquei o New fiesta, maior concorrente, por não achar números isolados. Mas com certeza seria também maior e estaria no patamar de 6000 carros por mês.

O produto tem condições de ser o líder. Apanhar do HB20 é feio, mas do C3 é mais.

 

Abc,

 

JL

Edited by JL_
  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

As tabelas perderam a formatação. Isso dificulta a leitura. Sorry, mas não conheço como fazer isso aqui no editor.

abc

JL

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa análise JL. Concordo com vc.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

O mercado cresceu bastante(217%), por uma série de motivos. Por isso inclusive a quantidade de fábricas vindo ainda para cá.

 

Enquanto isso, como a peugeot se posicionou? Ela cresceu em vendas 200%? Deveria vender mais de 6380 208 por mês para estar no mesmo patamar de 2003. Estou dizendo MANTER.

 

O C3 cresceu tanto em % como em volume de vendas. "Acelerou" mais que o PUG por assim dizer. Ele sim cresceu com o mercado, 4x o volume em vendas e dobrou a sua

JL

Para 208 vender mais de 6.000 unidades mensais em 2013, acompanhando o crescimento do mercado desde 2003, teria que acontecer 2 fatos:

 

1) O número de concorrentes NÃO poderia aumentar entre 2003 e 2013. A "vida" em 2003 era mais fácil para o 206 do que em 2013 para o 208. Antigamente não tinha HB20, Etios, Punto, os carros chineses e etc. Quanto mais gente dividindo o bolo, menor a fatia rsrs... Essa é a regra, por isso a maior parte dos carros em 2003 perderam participação do mercado, como o caso do Gol.

Em relação ao C3 que ganhou participação, é uma exceção e a Citroen está de parabéns por isso. Sei de gente que só troca C3 por outro C3, a marca conseguiu fidelizar a clientela!

 

2) O 208 teria que ser posicionado como popular , igual ao 206 em 2003. Faz uma busca no Acervo Digital da Quatro Rodas e procura a edição de Novembro/11. Lá tem o comparativo do 206 x Gol x Palio x Clio, todos 1.0 16V e o 206 ganha. O 206 era um pouco mais caro por ser novidade e ter um desgin revolucionario para a época, mas não chegava a ser premium não. Tinha um pacote Selection, que era 1.0, 2 portas, não tinha direção hidraulica nem como opcional e o limpador/desembaçador traseiro era opcional. Enquanto isso, premium era C3, Polo e, as vezes, aparecia o Fit nos comparativos.

O 208 teria que ter versões mais simples para atingir um publico maior, mas aí deixaria de ser premium e mataria o 207. Não vejo problema nenhum nisso, na Europa tem uma versão Access, 1.0 3 cilindros, maçanetas e retrovisores pretos, sem vidros elétricos e rodas aro 14. Eu preferia ter um 208 assim do que um Gol ou um Palio.

Mas a Peugeot não tá interessada em volume, tanto que estabeleceu uma meta de 2.500 unidades, ta perto disso e parece satisfeita. Até aumentou o preço do 208 nas ultimas semanas.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

O mercado cresceu bastante(217%), por uma série de motivos. Por isso inclusive a quantidade de fábricas vindo ainda para cá.

 

Enquanto isso, como a peugeot se posicionou? Ela cresceu em vendas 200%? Deveria vender mais de 6380 208 por mês para estar no mesmo patamar de 2003. Estou dizendo MANTER.

 

O C3 cresceu tanto em % como em volume de vendas. "Acelerou" mais que o PUG por assim dizer. Ele sim cresceu com o mercado, 4x o volume em vendas e dobrou a sua

JL

Para 208 vender mais de 6.000 unidades mensais em 2013, acompanhando o crescimento do mercado desde 2003, teria que acontecer 2 fatos:

 

1) O número de concorrentes NÃO poderia aumentar entre 2003 e 2013. A "vida" em 2003 era mais fácil para o 206 do que em 2013 para o 208. Antigamente não tinha HB20, Etios, Punto, os carros chineses e etc. Quanto mais gente dividindo o bolo, menor a fatia rsrs... Essa é a regra, por isso a maior parte dos carros em 2003 perderam participação do mercado, como o caso do Gol.

Em relação ao C3 que ganhou participação, é uma exceção e a Citroen está de parabéns por isso. Sei de gente que só troca C3 por outro C3, a marca conseguiu fidelizar a clientela!

 

2) O 208 teria que ser posicionado como popular , igual ao 206 em 2003. Faz uma busca no Acervo Digital da Quatro Rodas e procura a edição de Novembro/11. Lá tem o comparativo do 206 x Gol x Palio x Clio, todos 1.0 16V e o 206 ganha. O 206 era um pouco mais caro por ser novidade e ter um desgin revolucionario para a época, mas não chegava a ser premium não. Tinha uma versão Selection, que era 1.0, 2 portas, não tinha direção hidraulica nem como opcional e o limpador/desembaçador traseiro era opcional. Enquanto isso, premium era C3, Polo e, as vezes, aparecia o Fit nos comparativos.

O 208 teria que ter versões mais simples para atingir um publico maior, mas aí deixaria de ser premium e mataria o 207. Não vejo problema nenhum nisso, na Europa tem uma versão Access, 1.0 3 cilindros, maçanetas e retrovisores pretos, sem vidros elétricos e rodas aro 14. Eu preferia ter um 208 assim do que um Gol ou um Palio.

Mas a Peugeot não tá interessada em volume, tanto que estabeleceu uma meta de 2.500 unidades, ta perto disso e parece satisfeita. Até aumentou o preço do 208 nas ultimas semanas.

 

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Realmente o 206 1.0 16v ajudou a Peugeot a se consolidar no BR. O 208 é o lançamento mais importante da marca aqui desde 99 quando desembarcou o 206. As versões de entrada do novo modelo, como o 1.0 12v deve ocorrer e a histórica de sucesso novamente se repetir.

 

 

 

Enviado do meu Samsung Galaxy usando o Tapatalk 2

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Continuo batendo na tecla: HB20 chega do zero - sem público anterior, sem 10 anos de vendas, sem clubepeugeot - e pega 4% do mercado. C3 com desenho ultrapassado consegue vender mais. Então o 208 ainda não conseguiu seu publico mesmo.

 

Sim o mercado mudou, aumentou a disputa pelo bolo. Mas o bolo cresceu e bastante. É muito expressivo esse crescimento de mais de 200% e o mundo todo está de olho aqui. Esse discurso de que a vida ficou " mais difícil" para disputar o mercado na boa, não me convence. Discurso para explicar a derrota. Coitadinhos do departamento de vendas/marketing(nhem,nhem,nhem). Essa é a vida, ou vc entra para brigar ou não sai de casa. o fato de no mesmo mercado o C3 ter crescido é a cereja no bolo.

 

O 208 é muito mais carro que todos que estão no segmento. Vi todos os produtos e o C3 é o que mais se aproxima(até por ser quase o mesmo produto mesmo).Perderia na minha escolha somente pela proposta mais "mulherzinha que estuda moda" e desenho antigo. Só. Em termos de construção, se eles não fizeram aqui o mesmo esquema de depenar a fabricação(menos soldas, menos reforços estruturais, material de forração, trocar a tela do computador de bordo e outras coisas do tipo), para mim seriam/são os dois melhores do mercado.

 

Continuo achando que o produto poderia seriamente estar na liderança. 6000 a 10000k a frente de todos - HB20 e Newfiesta inclusive. Comemorar 2500k é rasgar seda e acomodação.

 

Mas é opinião pessoal. Ainda acho que a Peugeot está rachando os cofres com os lucros, e isso deve mesmo acomodar as bundas nas confortáveis cadeiras.

 

[]'s,

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ainda tiraram o azul da cartela de cores.!rs. Eu queria escrever para o presidente da Peugeot para dizer que a marca deveria por decreto e de forma vitalícia, manter ao menos uma cor azul marinho dentro da cartela de opções para os seus produtos!

[]'s,

JL

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Continuo batendo na tecla: HB20 chega do zero - sem público anterior, sem 10 anos de vendas, sem clubepeugeot - e pega 4% do mercado. C3 com desenho ultrapassado consegue vender mais. Então o 208 ainda não conseguiu seu publico mesmo.

 

Sim o mercado mudou, aumentou a disputa pelo bolo. Mas o bolo cresceu e bastante. É muito expressivo esse crescimento de mais de 200% e o mundo todo está de olho aqui. Esse discurso de que a vida ficou " mais difícil" para disputar o mercado na boa, não me convence. Discurso para explicar a derrota.

 

O HB20 foi lançado agora mas não partiu do 0. A Hyundai construiu uma imagem de marca premium que só existe no Brasil, nos outros países ela é vista até como inferior. Já vi muita gente comparando Hyundai com BMW e Mercedes, enfim é coisa de doido isso mas o marketing deles funcionou, aquelas propagandas e anúncios no estilo "melhor carro do mundo" fizeram uma lavagem cerebral muito bem feita rsrs.

Depois disso se lança um carro Hyundai a partir dos R$ 33 mil, na cabeça das pessoas é como se fosse de graça um Hyundai por menos de R$ 40 mil! Sucesso de vendas certo, se construiu isso ao longo de uns 3, 4 anos antes de se lançar o HB20.

 

Já a Peugeot com o 208 não partiu do 0 também não, ela partiu do negativo o que é pior ainda! Foi construida uma imagem de que os carros da Peugeot são caros de manter, frágeis, pós-venda ruim e nisso se tornaram ruins de revenda! Isso é o que o povo fala na rua, muitas vezes fruto de ignorância e preconceito, mas esse senso comum (por mais burro que seja) dificulta as vendas da marca. Será que todo mundo que tinha 206 ficou satisfeito com o facelift do 206,5 no lugar de trazer o 207 europeu ? Provavelmente não, daí houve a migração para concorrência. Agora que tá tentando recuperar esse público com o 208, mas tem que trabalhar com uma certa desconfiança das pessoas com os carros da marca.

 

Tava olhando os preços dos carros em Junho de 2003 e agora em Novembro de 2013 e percebi que a Citroen mudou a estratégia com o C3. Quando foi lançado em 2002 ele tinha quase preço de hatch médio, só tinha versão 1.6 16V (GLX e Exclusive), era o mais caro do segmento, agora em 2013 só é mais caro que o Punto e tem versões mais simples. Quem em 2003 um dia iria dizer que um Peugeot seria mais caro que um Citroen da mesma categoria ? Nunca! Agora inverteu, o C3 melhorou o custo-benefício e ganhou vendas com isso.

Ah sim, dos carros listados o C3 foi o que teve o menor aumento de preço considerando as versões de entrada, ou seja, comparativamente ele se tornou mais barato ou "menos premium".

 

Junho/2003

206 Selection 1.0 16V 3P - R$ 22.250

Citroen C3 GLX 1.6 16V - R$ 32.350

Astra 2.0 3P - R$ 34.307

Stilo 1.8 8V - R$ 34.966

 

Novembro/2013

Citroen C3 Origine - R$ 38.990 (+ 20,89%)

208 Active - R$ 39.990 (+ 79,73%)

Cruze Sport6 LT - R$ 64.690 (+ 88,56%)

Bravo Essence - R$ 54.750 (+ 56,58%)

 

Quanto à "derrota" nas vendas, isso depende da estratégia da empresa no mercado. Nós, consumidores, gostaríamos que tivesse uma disputa entre as empresas para serem líderes de mercado e achamos que o "vencedor" é quem vende mais. Porque se realmente houvesse esse tipo de disputa os carros seriam mais baratos e existiriam mais promoções! Mas empresário quer ter lucro e, as vezes, isso significa vender mais caro um número menor de unidades.

Se você reparar os carros mais baratos de cada categoria e as melhores promoções são da Fiat. Existe alguma surpresa dela ser líder de vendas no país há mais de 10 anos ? Não, ela sempre buscou ter um volume maior e só vendendo mais barato pra conseguir seu objetivo!

Já li uma vez que a Ford lucrava mais que a Fiat, porque ela conseguia ter um bom volume de vendas em carros mais caros como Ecosport, Focus e Fusion. Aí a gente entra num site tipo Notícias Automotivas, lê que a Fiat é líder e vê gente falando mal da Ford dizendo que com essa estratégia ela nunca vai passar do 4º lugar, como se fosse o Campeonato Brasileiro em que todo mundo quer ser o 1º e ganhar o título rsrs.

A Peugeot divulgou no lançamento que a capacidade de produção do 208 era de 2.500 unidades e que o objetivo era vender isso, se as vendas estão na faixa de 2.500 unidades isso não é fracasso, ela atingiu a meta e está tão satisfeita que já até aumentou o preço do 208. Falta ousadia a Peugeot ? Sim, acho que ela poderia lançar versões mais simples e aumentar a capacidade de produção, iria aumentar as vendas. Mas é a minha opinião que, pelo visto, não é compartilhada pela Peugeot...

 

Abs

  • Upvote 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

É simples galera, quem quer vender seu peixe se esforça pra superar seus concorrentes e trazer o melhor atendimento e produtos aos seus clientes.

Agora pelo que vemos nos números e na atitude da Peugeot é que não estão preocupados, ou quem está a frente da marca no nosso país tem uma visão comercial limitada.

Se um bom profissional quer vender, pode ser até balinha no sinal (desculpem ocfomparativo), não importa o que aconteça, se for um bom profissional, terá seu resultado.

Resumo da ópera, pra mim essa galera tá ganhando a grana deles e tanto faz vender 3mil ou 5mil Un. Mês.

 

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom essas elaborações vão longe. Tem número para todo gosto e explicação, basta escolher o seu. Tem até gráfico se quiser, fogos de artifício e mulatas a depender para que lado desejar esticar a massa.

 

O que coloquei na análise foi, se não me engano, uma resposta sobre alguém falando que vendia como 206 e que isso era bom. Alhos e bugalhos, que - buscando mais as semelhanças - acho que é o que também está escrito acima na análise do colega ao final. Ou quase isso, através de alguma outra forma de argumentação.

 

Mas de que vale todos esses argumentos na prática? Lhufas. Pelo menos para este aqui que não trabalha na Peugeot e não ganha um centavo por 1 segundo de tempo dedicado ao tema.

 

Ah, um instante: Se o meu pedido de retorno da cor azul(Bleu Borrasque ) funcionar, isso começa a valer alguma coisa! Caso contrário terei que começar a olhar para o "C4 Lounge". Se bem que com esse " sobrenome " fica difícil sair da Peugeot e seus carros brilhantemente nomeados. Simples e diretos. Falando neles, olha os números ai novamente ;-)

 

Vamos em frente.

 

[]'s,

 

JL

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

só acho que o 207 não poderia sair de linha pq ele pode competir com o gol g4 , celta , uno É SÓ A PSA abaixar um pouco o valor dele né

 

Aqui onde eu moro ja vi vários 208 : branco , aden e uma cor que parece marron e outra cor que parece roxo

acho que os brasileiros estão perdendo o medo e o preconceito pela marca francesa

 

 

eu vi no programa dos Justos q eles tiveram um prova p divulgar o 208 muito interessante eles ficaram dentro de um shopping de são paulo e na frente de um restaurante no horario de almoço

 

Bastante pessoas se surpreenderam depois de fazer o test drive

Share this post


Link to post
Share on other sites

MÊS: NOVEMBRO DE 2013

 

1º Peugeot 208: 1.862 (Versões: Active 1.5, Active Pack 1.5, Allure 1.5, Griffe 1.6 e Griffe 1.6 automático-4 marchas)

 

2º Peugeot 308: 867 (Versões: Active 1.6, Allure 2.0, Allure 2.0 automático-4 marchas- e griffe THP automático)

 

3º Peugeot 207: 477 (Versão única: Active 1.4 )

 

4º Peugeot 408: 318 (Versões: Allure 2.0, Allure 2.0 automático-4 marchas- e Griffe THP automático)

 

5º Peugeot 207 passion: 266 (Versões: Active 1.4 e Allure 1.4)

 

6º Peugeot 3008: 62 (Versões: Allure THP 1.6 automática e Griffe THP 1.6 automática)

 

7º Peugeot Hoggar: 56 (Versão única: X-line)

 

8º Peugeot RCZ: 25 (Versão única: THP 1.6 automática)

 

9º Peugeot 508: 12 (Versão única: THP 1.6 automática)

 

 

FONTE: Fenabrave

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

MÊS: NOVEMBRO DE 2013

 

1º Peugeot 208: 1.862 (Versões: Active 1.5, Active Pack 1.5, Allure 1.5, Griffe 1.6 e Griffe 1.6 automático-4 marchas)

 

2º Peugeot 308: 867 (Versões: Active 1.6, Allure 2.0, Allure 2.0 automático-4 marchas- e griffe THP automático)

 

3º Peugeot 207: 477 (Versão única: Active 1.4 )

 

4º Peugeot 408: 318 (Versões: Allure 2.0, Allure 2.0 automático-4 marchas- e Griffe THP automático)

 

5º Peugeot 207 passion: 266 (Versões: Active 1.4 e Allure 1.4)

 

6º Peugeot 3008: 62 (Versões: Allure THP 1.6 automática e Griffe THP 1.6 automática)

 

7º Peugeot Hoggar: 56 (Versão única: X-line)

 

8º Peugeot RCZ: 25 (Versão única: THP 1.6 automática)

 

9º Peugeot 508: 12 (Versão única: THP 1.6 automática)

 

 

FONTE: Fenabrave

 

É incrível um carro como o 208 com tantos atributos muitos superiores a qualquer concorrente da mesma categoria, e com esta baixa nas vendas é dificil compreender esta falta de um marketing mais acirrado, se fosse um produto ruim ainda vá la, mas um produto diferenciado, estética de qualidade superior, imagina se a peugeot vende-se etios, seria uma piada.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só digo uma coisa: O pessoal da Peugeot aqui no Brasil é muito ruim de serviço. Se manda e-mail pro depto. de peças e os caras demoram 2 SEMANAS pra responder!!! Imagina como funciona o depto. de marketing... A galera deve ficar vendo vídeo no YT o dia inteiro.

 

A operação deles aqui parece ser muito amadora, desculpe, mas aparenta isso.

  • Upvote 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tenho saudades das ações de marketinga gressivas da marca na década de 90.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Particularmente não acho o 208 um carro ruim, mas acho que ele não vale o preço, existem carros melhores nessa mesma faixa de preço.

O problema da peugeot é não tem um carro com valor pra brigar com os populares

Share this post


Link to post
Share on other sites

Particularmente não acho o 208 um carro ruim, mas acho que ele não vale o preço, existem carros melhores nessa mesma faixa de preço.

O problema da peugeot é não tem um carro com valor pra brigar com os populares

 

O 208 não esta na categoria dos populares assim como o novo C3, se tu fores um cara detalhista e minucioso, que nem eu aprendi a ser depois de alguns problemas que passei, principalmente olhando os alinhamentos dos vínculos e encaixes de faróis e sinaleiras, nesta condição dificilmente tu compraria, new fiesta, onix, os que escapam e são bem montados, etios, hb20, que nestes casos eu preferi o 208, que é muito superior em acabamento, e também em estética. O new fiesta ta tive um por 4 meses , onix só fiz o teste drive 2 vezes.

Share this post


Link to post
Share on other sites

MÊS: DEZEMBRO DE 2013

 

1º Peugeot 208: 2.506 (Versões: Active 1.5, Active Pack 1.5, Allure 1.5, Griffe 1.6 e Griffe 1.6 automático-4 marchas)

 

2º Peugeot 308: 778 (Versões: Active 1.6, Allure 2.0, Allure 2.0 automático-4 marchas- e griffe THP automático)

 

3º Peugeot 207: 436 (Versão única: Active 1.4)

 

4º Peugeot 408: 291 (Versões: Allure 2.0, Allure 2.0 automático-4 marchas- e Griffe THP automático)

 

5º Peugeot 207 passion: 237 (Versões: Active 1.4 e Allure 1.4)

 

6º Peugeot 3008: 86 (Versões: Allure THP 1.6 automática e Griffe THP 1.6 automática)

 

7º Peugeot Hoggar: 68 (Versão única: X-line)

 

8º Peugeot RCZ: 13 (Versão única: THP 1.6 automática)

 

9º Peugeot 508: 12 (Versão única: THP 1.6 automática)

 

 

FONTE: Fenabrave

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

TOTAL GERAL DE 2013

 

1º Peugeot 208

 

12/2013

2613

11/2013

1862

10/2013

2336

9/2013

2064

8/2013

2537

7/2013

2435

6/2013

2392

5/2013

2610

4/2013

1659

3/2013

164

2/2013

43

1/2013

14

Média

1727

 

 

2º Peugeot 308

 

12/2013

796

11/2013

867

10/2013

897

9/2013

867

8/2013

884

7/2013

1189

6/2013

898

5/2013

791

4/2013

886

3/2013

667

2/2013

831

1/2013

1349

12/2012

1532

Média

958

 

3º Peugeot 207

 

12/2013

481

11/2013

477

10/2013

655

9/2013

746

8/2013

897

7/2013

477

6/2013

625

5/2013

725

4/2013

1040

3/2013

1265

2/2013

1067

1/2013

1930

12/2012

1802

Média

937

 

4º Peugeot 207 passion

 

12/2013

249

11/2013

226

10/2013

235

9/2013

254

8/2013

234

7/2013

236

6/2013

345

5/2013

356

4/2013

470

3/2013

504

2/2013

594

1/2013

831

12/2012

993

Média

425

 

5º Peugeot 408

 

12/2013

299

11/2013

318

10/2013

380

9/2013

306

8/2013

327

7/2013

335

6/2013

536

5/2013

419

4/2013

374

3/2013

399

2/2013

393

1/2013

532

12/2012

729

Média

411

 

 

 

6º Peugeot 3008

 

12/2013

86

11/2013

62

10/2013

84

9/2013

91

8/2013

123

7/2013

133

6/2013

110

5/2013

161

4/2013

97

3/2013

88

2/2013

112

1/2013

158

12/2012

132

Média

111

 

7º Peugeot Hoggar

 

12/2013

68

11/2013

56

10/2013

55

9/2013

60

8/2013

51

7/2013

66

6/2013

67

5/2013

67

4/2013

82

3/2013

60

2/2013

55

1/2013

58

12/2012

72

Média

63

 

8º Peugeot 508

 

12/2013

13

11/2013

12

10/2013

9

9/2013

6

8/2013

10

7/2013

23

6/2013

26

5/2013

19

4/2013

26

3/2013

8

2/2013

12

1/2013

8

12/2012

18

Média

15

 

9º Peugeot RCZ

 

12/2013

14

11/2013

25

10/2013

26

9/2013

18

8/2013

11

7/2013

14

6/2013

12

5/2013

8

4/2013

10

3/2013

6

2/2013

9

1/2013

14

12/2012

13

Média

14

 

 

FONTE: carrosnaweb

Share this post


Link to post
Share on other sites

Creio, em breve, venham com a estratégia de manter apenas o 208 como versão de entrada após depenarem mais o carro e oferecerem em torno de 33/37 mil, mas com um menor 1.0.

Essa é, ao meu ver, uma deficiência do departamento de marketing da PSA no Brasil: associarem motorização com nível de equipamentos. Pra eles é inconcebível que o indivíduo queira um carro completo com motor 1.0, assim como é inaceitável o sujeito querer um carro mais espartano com um motor THP. Motor não é luxo, é opção.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém sabe se dá pra eu mudar o título do tópico ? Quero tirar o "2013".

Share this post


Link to post
Share on other sites

Saiu uma estatística aqui:

http://www.noticiasautomotivas.com.br/top-10-os-hatches-mais-vendidos-do-brasil/

 

208 vendeu 3033 em janeiro 2014, deve ser pelas promoções, espero que os carros saiam com qualidade e assim comecem a mudar a fama da marca.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém sabe se dá pra eu mudar o título do tópico ? Quero tirar o "2013".

Clique em denunciar e peça a um moderador.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mesmo com promoções, a Peugeot vendeu menos em jan/14 que a Mitsubishi... A Mit já tinha vendido mais que a Peugeot ano passado... Não tem uma rivalidade direta, o portfolio de produtos é muito diferente(utilitarios principalmente), mas é lamentável saber que a Peugeot foi mais uma vez ultrapassada... Depois vem a Kia, bem atrás, mas essa não tem fábrica no Brasil e convive com super IPI...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sinistro. Estou para adquirir um agora e estou bolado em cair na bomba.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sinistro. Estou para adquirir um agora e estou bolado em cair na bomba.

Bomba em que sentido?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tipo não conseguir vender depois por valor nenhum.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Peugeot 308 CC: Não encontrei dados

Dayvison, eu sempre acompanho o portal Carplace, que também posta dados de vendas de veículos e, um dia, incomodado em nao ver os dados sobre as vendas do 308 CC, mandei msg pra administração cobrando explicações e eles me informaram que a FENABRAVE computa o 308 CC junto com o hatch, entao não tem como saber as vendas separadas do 308 CC, infelizmente. Logo vc pode jogar ele no parênteses do 308 mesmo...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tipo não conseguir vender depois por valor nenhum.

Cara, eu adoro Peugeot mas, pessoalmente, eu não compraria um 0km, por conta da acentuadíssima desvalorização que ocorre no início de vida do carro. Mesmo que quisesse um 208, eu esperaria cair no mercado de semi-novos pra não pegar a maior desvalorização, que ocorre no primeiro ano. Ai dá até pra comprar um carro com menos de 10.000 km (que não tenha nem feito a primeira revisão ainda) por um preço bem menor que o do 0 km.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×