Jump to content
Dayvison Canelas

Quantidade De Peugeots Vendidos Por Mês

Recommended Posts

Pelo visto vai virar marca premium d vez... Mas a passos bem curtos rs rs ate limpar o estoque do 206+...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nem se quiser a Peugeot vira marca premium, os principais elementos de uma marca premium são os produtos diferenciados e o status agregado, ambas as coisas que a Peugeot está longe de ter, ainda mais no Brasil.

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Também, diga-se de passagem o 208 é o único carro moderno da linha no BR. Talvez o 508, mas já é outro patamar.

Não quer trazer o 308 novo, não atualiza o 408, e assim fica vendendo micharia.

 

Esse é o principal problema!

As pessoas querem carros atuais e com acesso a informação mais fácil, elas já não aceitam mais certas coisas.

Tipo, o cara vê na internet 308 carro do ano na Europa e percebe que o carro é totalmente diferente do 308 vendido aqui, que é uma geração que já saiu de linha lá fora. E aí o que ele faz ? Pega um 308 ou compra um Focus /Golf que estão mais atualizados ? Pois é, ele vai buscar o carro mais atual, e isso não tem a ver com preconceito contra carro francês.

O 408 cai no mesmo problema, o C4 Lounge já vende melhor.

O 508 coitado, um carrão que não souberam vender, já nem importam mais! Na terra do "super trunfo", onde só olham o número de cavalos e a cilindrada, foi lançado com 1.6 de 165 cv, enquanto que os concorrentes tem 2.0 de 210-240 cv.

Lembro que chegaram a pedir 120 mil no 508, enquanto o Fusion Ecoboost tava 105 mil. Aí fica difícil.

 

Lidando com a realidade, o grupo PSA no Brasil tem que aproveitar a plataforma do C3-208 ao máximo. 2008 vem aí, se vender 1500 unidades mensais já vai ser um crescimento de 75% nas vendas rs

Seria bom lançaram o 301 também.

E importar novos modelos como o 308, mesmo que venda pouco pelo menos pode ajudar a melhorar a imagem da marca.

  • Downvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

A Peugeot já descartou a vinda do 301 pelo menos por enquanto.

 

Por mim manteria o 208, 2008, trazia o novo 308 e deixaria o RCZ só por imagem.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não precisa ser especialista pra saber que o marketing da PUG é um lixo... digno da fama que a montadora conquistou no país.

 

Sinceramente eu não faço nem ideia de como eles reverteriam este quadro, somente preço não seria atrativos, a marca ficou de certa forma desvalorizada.

 

Vejamos o 408 o qual posso dizer com propriedades, no seu segmento é um carro muito superior a Civic e Corolla em seus modelos top de linha as diferenças são grandes em questão de acessórios, espaço interno e tecnologia a bordo, sem falar do preço mais em conta e ainda na versão THP mais potente que seus concorrentes só perdendo pro Jetta TSI e Focus Titanium, mas perde em confiança e pós venda. Na categoria poucos falam do 408, porque a própria marca também não faz questão de mostrá-lo...

 

O 508 só um louco compraria este modelo no Brasil, pode ser TOP, bonito, com requinte, mas em preço você escolheria o 508 ou um Fusion? ou Accord ou BMW até mesmo um Mercedez

 

Veja a propagando do 208 na TV uma merda... falando que o carro é bonito e que vc vai se sentir atraído por ele além da beleza? ta de zoa que isso vai vender carro, tinham que investir na imagem de carro confiável e não de bonitinho e ordinário.

 

Gosto muito do 408 mas só o tenho porque no primeiro momento o conheci pesquisando preços e achei um seminovo na época com bom valor, comprei e gostei muito do carro mas se fosse por conta da Peugeot eu nunca o teria comprado.

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Imagina os números para o mês de fevereiro...

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Veja a propagando do 208 na TV uma merda... falando que o carro é bonito e que vc vai se sentir atraído por ele além da beleza? ta de zoa que isso vai vender carro, tinham que investir na imagem de carro confiável e não de bonitinho e ordinário.

 

 

Também achei a propagando um lixo.... perderam o foco do produto, a Peugeot Brasil está anos luz da Peugeot Europa. As propagandas na Europa são muito impactantes já as daqui só não perdem pro comercial do bar do bigode.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Imagina os números para o mês de fevereiro...

 

Pois é... Os resultados foram:

 

- Hatch de entrada menos vendido: Peugeot 207, com 41 unidades

- Hatch compacto menos vendido: Citroen C3 (1.190); acima dele, o Peugeot 208, com 1.369 unidades

- Hatch médio menos vendido: Peugeot 308, com 219 unidades

- Sedan médio menos vendido: Peugeot 408, com 77 unidades

 

Só quem reagiu um pouco foi o 3008, com 86 unidades, à frente da CRV (deve ser algum problema de cota de importação), mas ainda atrás de nulidades em venda como a Captiva (fim de carreira) e o Forester (rede diminuta e divulgação quase zero).

 

Com isso, a Peugeot fecha o mês com 1,12% do mercado. Para se ter uma ideia de como isso é grave:

 

- o percentual corresponde a UM TERÇO do que a marca obteve dez anos atrás

- a Peugeot vende cerca de um automóvel a cada 100 vendidos no Brasil.

- ou ainda: em todo o mês de fevereiro, a Peugeot vendeu 2.004 carros, contando todos os seus modelos...

Edited by ClaudioBA

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

"(...) em todo o mês de fevereiro, a Peugeot vendeu 2.004 carros, contando todos os seus modelos...

 

Isso era um mês fraco das vendas apenas do 206 na década passada...

 

 

T+

Share this post


Link to post
Share on other sites

A culpa é quase que exclusivamente da PSA, que contrata executivos que cursaram, assim como nossa presidente, uma faculdade de desadministração de empresas.

 

Eu venho acompanhando o teste de longa duração da 4 rodas, de uns tempos pra cá tenho ficado com vergonha alheia do C4L, carro que é o meu aprimorado, dizem...

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vergonha.. e ainda vem gente falar de estratégia e marca premium... tudo conversa pra boi dormir... pelo menos aqui do Brasil não vejo mudança nenhuma, só consigo enxergar é um fiasco total a médio prazo, depois daquela entrevista com a cúpula Psana tive um tiquinho de esperança, que ja se apagou....<br /><br />Enviado do meu 106 Quiksilver <br /><br />

  • Upvote 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

A Peugeot já descartou a vinda do 301 pelo menos por enquanto.

 

Por mim manteria o 208, 2008, trazia o novo 308 e deixaria o RCZ só por imagem.

 

É assim mesmo.

Quando já estiver batendo o último prego do caixão ela decide trazer o 301.

A minha 2008 já chegará logo queimada, e podem apostar que será pelo preço elevado 3 falta de at na Griffe top.

 

Ahh e também ajuda a se queimar com vendedores na rede de ccs , totalmente sem noção, como o que tive que ouvir semana passada, que soltava pérolas atrás de pérolas, tipo que a 3008 era Argentina, e que não havia THP com câmbio automático e que o 408 não tinha motor turbo. Tudo isso em 5 minutos.

 

Sent from my SM-P601 using Tapatalk 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

kkkkk manjador extremo da marca... deve vender bem.. rs

Share this post


Link to post
Share on other sites

só tenho uma resposta pra tudo isso: "Nada que esteja tão ruim que não possa piorar"

 

Pode dizer que é pessimismo.... mas acreditem é realidade... nunca tive um PUG a 2 anos atrás, quando fui comprar o 408 antes comentei com meu pai ele na hora disse: "ta louco foge dessas marcas" sem nunca ter visto ou conhecido o carro.

 

Opinião de alguém que conhece o básico de carro, não é entendedor afinco nem entusiasta, são esses que resumem 90% do público no Brasil e são esses que pensam 2, 3, 10 vezes antes de comprar um PUG só pela beleza kkkkkkkkkkk esse marketing não cola, coloca a equipe toda de marketing no Aprendiz pro Justus falar em alto e bom som DEMITIDOS kkkkkk

Edited by DjTable
  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Jesus, a Peugeot vai quebrar assim!! 47x207, 209x308 e 77x408... que números são esse. Cerca de 2000 veículos ao todo, são números desesperadores. Estratégia nenhuma justifica isso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estou cotando um 208 Allure. Dia 28 o vendedor me mandou a proposta padrão de promoção dizendo que com 50% de entrada era juros 0% em 36x. Qual não foi minha surpresa ao ver a notícia de que Fevereiro foi uma merda pra venda de automóveis e AINDA ASSIM hoje o vendedor me informar que a taxa 0% para esse mês é apenas em 24x! Ou seja, se eu fosse comprar antes, já não vou mais. :bwahaha:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que a estratégia deles é não vender. Só pode.

 

Vc luta contra o mundo e compra um Peugeot. Depois eles te maltratam no pós venda, como se fosse um castigo. Quando decide dar mais uma chance a esse "amor", trocando de carro e permanecendo na marca, eles não te querem ou tiram sarro, desvalorizando o "fruto do seu amor" mais do que o mercado. Tiram itens importantes e colocam condições de compra em que vc parece não merecer ter um carro da marca deles. Poxa, pediram me 66.000 num 208 griffe automático. Tenho que ter muito pouco amor próprio pra continuar na marca, assim como eles. Parece o fim deles no Brasil. Eu amo a Peugeot e a Citroën, mas não dá pra confiar mais no futuro deles.

  • Upvote 6

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu não sei aonde isso vai chegar mas pagar R$ 66 mil em um PUG 208 Griffe AT é quase um suicídio, nessa faixa de preço se tem carros muito superiores, ou um semi-novo top de linha, o New City por exemplo ta em R$ 67 mil a versão EX Automática e não sei se sou o único mas um City 2015 é muito mais carro que um 208.

 

Acredito que pra se comprar um carro hoje os brasileiros levam em consideração os critérios:

1 - Tradição da Marca

2 - Beleza, Design e o Status que o carro pode lhe oferecer

3 - Preço e Desvalorização na venda

4 - Equipamentos e Acessórios disponíveis

5 - Custos com seguro, combustível e outros

6 - Pós Venda e preço das revisões

 

Ninguém pensa em pós venda de CSS na hora da compra só depois quando tem algum problema com o carro, e esse ninguém que compra um carro 0km espera ter, por isso o coloco como último na classificação, porém não deveria mas acredito que se fosse feita uma pesquisa com perfis de compradores seria mais ou menos por ai.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mais é por ai mesmo, pessoal fala muito do pós venda da Peugeot, mais eu não considero ele o responsável, tem marca com pós venda tão ruim quanto que vende muito mais que a Peugeot, problema é que a Peugeot não faz a mínima ideia de como vender carros.

 

Nunca que um Honda City é muito mais carro que o 208, ele engana bem, mais em termos de refinamento técnico e construção está no mesmo patamar do 208, mais se for pagar 67k em um desses carros, que seja o Honda City, que pelo menos tem mais espaço e consumo melhor.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Imagina os números para o mês de fevereiro...

 

 

Pois é... Os resultados foram:

 

- Hatch de entrada menos vendido: Peugeot 207, com 41 unidades

- Hatch compacto menos vendido: Citroen C3 (1.190); acima dele, o Peugeot 208, com 1.369 unidades

- Hatch médio menos vendido: Peugeot 308, com 219 unidades

- Sedan médio menos vendido: Peugeot 408, com 77 unidades

 

Só quem reagiu um pouco foi o 3008, com 86 unidades, à frente da CRV (deve ser algum problema de cota de importação), mas ainda atrás de nulidades em venda como a Captiva (fim de carreira) e o Forester (rede diminuta e divulgação quase zero).

 

Com isso, a Peugeot fecha o mês com 1,12% do mercado. Para se ter uma ideia de como isso é grave:

 

- o percentual corresponde a UM TERÇO do que a marca obteve dez anos atrás

- a Peugeot vende cerca de um automóvel a cada 100 vendidos no Brasil.

- ou ainda: em todo o mês de fevereiro, a Peugeot vendeu 2.004 carros, contando todos os seus modelos...

 

É incrível como a marca tem vendas tão ruins assim e o preço ao invés de reduzir faz é aumentar. Quer vender mais? Reduz o preço e anuncia pra vê.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Como eu disse, estava seriamente inclinado a pegar um 208. Agora só se voltar a taxa 0% mesmo pra voltar A PENSAR em ter um.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois é, complicado. Eu tbm desisti de trocar o 207 no 208. Muito caro.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que a estratégia deles é não vender. Só pode.

 

Vc luta contra o mundo e compra um Peugeot. Depois eles te maltratam no pós venda, como se fosse um castigo. Quando decide dar mais uma chance a esse "amor", trocando de carro e permanecendo na marca, eles não te querem ou tiram sarro, desvalorizando o "fruto do seu amor" mais do que o mercado. Tiram itens importantes e colocam condições de compra em que vc parece não merecer ter um carro da marca deles. Poxa, pediram me 66.000 num 208 griffe automático. Tenho que ter muito pouco amor próprio pra continuar na marca, assim como eles. Parece o fim deles no Brasil. Eu amo a Peugeot e a Citroën, mas não dá pra confiar mais no futuro deles.

 

 

E TENHO DITO !!!!!

Em um parágrafo , disse tudo e mais um pouco.

Share this post


Link to post
Share on other sites

É assim mesmo.

Quando já estiver batendo o último prego do caixão ela decide trazer o 301.

A minha 2008 já chegará logo queimada, e podem apostar que será pelo preço elevado 3 falta de at na Griffe top.

 

Ahh e também ajuda a se queimar com vendedores na rede de ccs , totalmente sem noção, como o que tive que ouvir semana passada, que soltava pérolas atrás de pérolas, tipo que a 3008 era Argentina, e que não havia THP com câmbio automático e que o 408 não tinha motor turbo. Tudo isso em 5 minutos.

 

Sent from my SM-P601 using Tapatalk 4

 

 

Vão me chamar de mentiroso, mas vou contar mesmo assim... Em 2011 fui comprar um 207 pra minha esposa. Queríamos um carro pequeno e básico, optando pelo 207 1.4 XR, mas fiz questão do airbag duplo. Na época era opcional e adicionava míseros R$ 1.000,00 ao preço do carro, uns 33-35 mil (não lembro exatamente). Na primeira concessionária que fui não tinham o modelo com airbags... Sabe o que o vendedor me disse? Lá vai:

 

- A gente não tem carro com airbag a pronta entrega porque não faz tanta diferença. Só quem faz questão disso é médico.

 

Falei que não ia nem continuar pela babaquice do cara em tentar convencer as pessoas dessa idéia estúpida e comprei o carro em outra loja.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tem gente que até hoje ainda não quer usar o cinto de segurança, quem dirá o airbag. Lembro que no clube do New Fiesta tinha um tópico criado para discutir como desativar o aviso do cinto de segurança do carro, teve um lá que disse que comprou aquele encaixe do cinto separado para deixar acoplado lá para enganar o sensor.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quanta ignorância... no Brasil é mais fácil pensar em burlar alguma coisa do que agir corretamente

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hoje só compra peugeot quem faz compra emocional. Se o cara pensar bem, com todos os riscos de "passar raiva", ficar com um carro difícil de revender e que as próprias concessionarias da marca não valorizam, ele desiste.

Lembro quando lançaram o 208, estava com grana pra comprar um carro automatico de até 50 mil, mas os jumentos só lançaram a versão automática na top de linha, beirando os 60 mil. Um belo dia, pensaram q o câmbio automático não é mais nenhuma exclusividade em um país de trânsito caótico e resolveram lançar a versão "active pack", mas aí já era tarde e eu já havia comprado o 307. Fico pensando qtas vendas e clientes a PSA não perde por cagadas como essa.

 

Agora, em 2015, vejo q vão lançar o 2008 com câmbio de 4 marchas e versão top sem câmbio AT (wtf?). Não dá pra entender os executivos da Psa,

  • Upvote 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hoje só compra peugeot quem faz compra emocional. Se o cara pensar bem, com todos os riscos de "passar raiva", ficar com um carro difícil de revender e que as próprias concessionarias da marca não valorizam, ele desiste.

 

Lembro quando lançaram o 208, estava com grana pra comprar um carro automatico de até 50 mil, mas os jumentos só lançaram a versão automática na top de linha, beirando os 60 mil. Um belo dia, pensaram q o câmbio automático não é mais nenhuma exclusividade em um país de trânsito caótico e resolveram lançar a versão "active pack", mas aí já era tarde e eu já havia comprado o 307. Fico pensando qtas vendas e clientes a PSA não perde por cagadas como essa.

 

Agora, em 2015, vejo q vão lançar o 2008 com câmbio de 4 marchas e versão top sem câmbio AT (wtf?). Não dá pra entender os executivos da Psa,

 

Nem tava sabendo dessa do 2008. Não da pra entender os tiros no pé que esses caras dão a cada ano.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

FEVEREIRO/2015




1º Peugeot 208: 1.369 (Active 1.5 L manual, Active Pack 1,5 L Manual, Active Pack 1,6 L automática (4 marchas), Allure 1.5 L manual, Griffe 1.6 L manual e Griffe 1.6 L automática sequencial/4 marchas - versões a partir de R$ 44.590)



2º Peugeot 308 hatch e CC: 219 (Active 1.6 16V flex (EC5) WT manual, Allure 2.0 16v flex automática/6 marchas e Griffe 1.6 THP automática/6 marchas - versões a partir de R$ 62.290) - Versão Especial 308 quiksilver R$ 65.390 – Versão Especial 308 Roland Garros R$ 83.590 - Peugeot CC R$ 153.790



3º Peugeot 3008: 86 (Versão única Griffe 1.6 THP automático/6 marchas – R$ 106.590)



4º Peugeot 408: 77 (Allure 2.0 16V flex automática/6 marchas e Griffe 1.6 THP automática/6 marchas - versões a partir de R$ 72.390)



5º Peugeot 207: 41 (Versão única Active 1.4 L manual – R$ 37.390)



6º Peugeot RCZ: 3 (Versão única com motor 1.6 THP automática/6 marchas – R$ 155.090)




FONTE: Fenabrave




*Somente as vendas do 3008 aumentaram



*Já que as vendas do 308 CC e hatch são computadas em conjunto, atualmente a Peugeot dispõe APENAS de 6 modelos de carro.



*Dos 6 modelos no site da Peugeot, 3 apresentam versão única (207, 3008 e RCZ)



*Apenas o 208 ainda possui o câmbio automático de 4 marchas (O que falta para fazer um automático de 6 marchas com o excelente motor THP flex ?)



*As versões são em ordem crescente de qualidade: Active, Allure, Griffe...



*Preço do site



*Vendas do 207, 308 e 408 caindo muito.



*Solução: Dar adeus ao 207 e 408 e trazer ou fabricar o 308 europeu.


Edited by @DD_Dayvison

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não acho que essa seja a solução. Realmente é uma boa iniciativa, mas acho que a marca precisa mesmo é de um departamento de MARKETING que preste e diminuir os preços que era o grande diferencial da marca quando lançou o 208: carros mais recheados e diferenciados com preço abaixo dos concorrentes. Hoje em dia os carros estão no mesmo patamar em acessórios e as vezes até abaixo, só se diferem no design, mas estão no mesmo preço ou mais caro que os concorrentes.

 

 

Lembrando que isso faz parte da "estratégia" da empresa de se reposicionar como marca Premium acima da Citroen. Então é bem provável que os preços nunca caiam mesmo, pelo contrário, só aumentem, já que eles já declararam que querem ganhar por venda e não por quantidade... Parece que vai ser um tiro no pé, mas vamos ver né...

Edited by Vinicam

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nao sei se estou no tópico correto, mas avaliaram o meu 207 por 18 mil reais na concessionária Hyundai. Valor FIPE: 22 mil reais. Não achei tão ruim.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom preço. Considerando os valores... se fores trocar só cuidado com o preço que eles também vão aumentar no financiamento ou no carro que fores comprar. Ai a ilusão de te oferecer 18 mil no primeiro momento parece atrativo mas no final acaba sendo vantagem pra eles

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom preço. Considerando os valores... se fores trocar só cuidado com o preço que eles também vão aumentar no financiamento ou no carro que fores comprar. Ai a ilusão de te oferecer 18 mil no primeiro momento parece atrativo mas no final acaba sendo vantagem pra eles

Certamente. Por enquanto fico com 207. Achei HB20 intermediário automático por 52 mil pouco caro. 55 mil por top da linha.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Único problema que tenho com o HB20 é que é um carro da categoria do gol só que com preço de fox, new fiesta e 208. Fora isso acho um carro bom.

Share this post


Link to post
Share on other sites

207 saiu do site. Será que o 408 também vai acabar?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nova e preocupante estatística mensal de emplacamentos. Em março, quando o mercado em geral cresceu mais de 20% em relação a fevereiro, a Peugeot conseguiu a proeza de PERDER ainda mais vendas... No mês, só 1.968 Peugeots foram vendidos no Brasil, e pela primeira vez em mais de dez anos, a marca ficou abaixo do 1% do mercado (participação de pífios 0,87%).

 

Hatch de entrada menos vendido: Peugeot 207, com 20 unidades. Vamos dar um desconto porque se trata de carro descontinuado...

Hatch compacto menos vendido: Peugeot 208, com 1.359 unidades.

Hatch médio menos vendido: Peugeot 308, com 195 unidades.

Sedan médio menos vendido: Peugeot 408, com 104 unidades.

Crossover menos vendido: Peugeot 3008, com 43 unidades.

 

Sei não se essa estratégia de ser "premium" na marra vai funcionar... As outras fabricantes que ostentam essa fama construíram-na, bem ou mal, sendo verdadeira ou não, ao longo dos anos, acompanhando o que o brasileiro acha ou não a respeito da percepção da marca no mercado. Taí a Honda que mal botou o HR-V na praça e no primeiro mês de vendas já emparelhou com o Duster. Já a Peugeot... Que fama de premium foi construída ao longo do tempo? Que diferencial ela pode apresentar para o consumidor médio? Quem vai pagar R$ 66 mil num 208 Griffe? Ou R$ 83 mil num 308 THP? Tá difícil...

Edited by ClaudioBA

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois é, tenho um vendedor da Peugeot adicionado pois estava tentando negociar um 208 zero a um tempo atrás e de tempos em tempos troco uns papos com o cara. Ele esta preocupado como vendedor com a situação atual da Peugeot... Me mandou um folder do 2008, mas concordou que a Peugeot não investiu o bastante em marketing pra concorrer direito com HR-V e Renegade. Disse que a marca querer se elitizar também é ruim para os vendedores, pois carro já esta muito caro no Brasil, com ela subindo os preços o tempo todo então...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ela nao saindo do Brasil e deixando meu 106 ainda mais na mão, ta bom. Apesar de que nao acredito nessa hipótese... mas nao coloco minha mão no fogo.<br /><br />Enviado do meu 106 Quiksilver <br /><br />

Share this post


Link to post
Share on other sites

Comprem lá um gol então e vão ser felizes.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Kkkkkk os cara perde a linha. .. ja apela.. rs <br /><br />Triste ser "peugeotero" né kkkk<br /><br />Enviado do meu 106 Quiksilver <br /><br />

Share this post


Link to post
Share on other sites

que nada kkkkkkk

 

!!!!!!!! PEUGEOT SO ME TRAZ ALEGRIAS !!!!!!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

MARÇO - 2015



1º Peugeot 208: 1.359 (Active 1.5 L manual, Active Pack 1,5 L Manual, Active Pack 1,6 L automática (4 marchas), Allure 1.5 L manual, Griffe 1.6 L manual e Griffe 1.6 L automática sequencial/4 marchas - versões a partir de R$ 44.590) - 7ª posição de 11 da categoria hatch pequeno ou compacto)



2º Peugeot 308 hatch e CC: 195 (Active 1.6 16V flex (EC5) WT manual, Allure 2.0 16v flex automática/6 marchas e Griffe 1.6 THP automática/6 marchas - versões a partir de R$ 62.290) - Versão Especial 308 quiksilver R$ 65.390 – Versão Especial 308 Roland Garros R$ 83.590 - Peugeot CC R$ 153.790 - Hatch médio menos vendido



Peugeot 408: 104 (Allure 2.0 16V flex automática/6 marchas e Griffe 1.6 THP automática/6 marchas - versões a partir de R$ 72.390) - 16ª posição de 21 da categoria de sedans médios



Peugeot 3008: 43 (Versão única Griffe 1.6 THP automático/6 marchas – R$ 106.590) - 39ª de 40 da categoria de Suv's



5º Peugeot 207: 20 (Fim de produção)



6º Peugeot RCZ: 2 (Versão única com motor 1.6 THP automática/6 marchas – R$ 155.090)




FONTE: Fenabrave




*Somente as vendas do 408 aumentaram



*Já que as vendas do 308 CC e hatch são computadas em conjunto, atualmente a Peugeot dispõe APENAS de 5 modelos de carro.



*Dos 5 modelos no site da Peugeot, 2 apresentam versão única (3008 e RCZ)



*Apenas o 208 ainda possui o câmbio automático de 4 marchas (O que falta para fazer um automático de 6 marchas com o excelente motor THP flex ?)



*As versões são em ordem crescente de qualidade: Active, Allure, Griffe...



*Preço do site



*Vendas da Peugeot caindo MUITO.



*Solução: Dar adeus 408 e ao "nosso 308", e fabricar o 308 europeu, globalizando a marca conforme os modelos vendidos no mercado mundial. Desse modo, a Peugeot iria ficar com a gama composta por 208, 308, 2008, 3008 e RCZ, todos semelhantes aos vendidos na Europa.


Edited by @DD_Dayvison

Share this post


Link to post
Share on other sites

Parem de apavoro. As vendas estão caindo porquê a economia vai mal. Agora o momento é reduzir mesmo as vendas e estabilizar valores.

Isso está acontecendo com todas as montadoras. Pelo menos a Peugeot não tem pátios lotados e os funcionários estão com salários em dia e ninguém está de férias coletivas como as concorrentes. Este momento é até bom, pois dá pra aperfeiçoar a qualidade no produto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

sei q cada um enxerga as coisas da maneira q bem entende mas dae falar que o momento pode ate ser bom kkkkkkkkkkk...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Parem de apavoro. As vendas estão caindo porquê a economia vai mal. Agora o momento é reduzir mesmo as vendas e estabilizar valores.

Isso está acontecendo com todas as montadoras. Pelo menos a Peugeot não tem pátios lotados e os funcionários estão com salários em dia e ninguém está de férias coletivas como as concorrentes. Este momento é até bom, pois dá pra aperfeiçoar a qualidade no produto.

Não é isso que está acontecendo na Honda, HR-V não tem disponibilidade de entrega até o final de maio. Fora isso, Corolla vendeu mais de 6.000 unidades mês passado.

 

Concordo que parte das vendas caíram por causa da economia, mas totalizar a queda das vendas da Peugeot nessa premissa é totalmente equivocado.

Edited by Lucca79

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×