Jump to content
Sign in to follow this  
Fillfarnum

Ajuda A Desfazer Um Negócio

Recommended Posts

 

Fui numa advogada e conversei com ela e ela me pediu algumas coisas, pediu para eu conversar com ele por e-mail e estou conversando, me pediu testemunhas e alguma outras coisas como documentos e um laudo de um mecânico

 

Hoje o mecânico virá fazer esse laudo e pretendo levar para outro fazer também, assim ele não poderá alegar que levei apenas em um mecânico...

 

O recibo do corsa será preenchido em meu nome e tenho que dar um dinheiro para esse amigo meu da agência e ele financiará esse valor como se fosse o corsa...ai estarei com o recibo em meu nome e o financiamento também...

Esse adv que vc esta conversando é amigo ou uma indicação de alguém?

o cara esta juntando ''documentos'' para abertura do inquerito ou até mesmo de um processo, pelo que estou entendendo..

 

Não entendi bem esse processo do Corsa.

Como assim, seu amigo vai financiar ?

isso foi orientação do advogado, ou uma ação por conta sua mesmo?

 

Até onde eu estava acompanhando, você iria preencher o doc e reconhecer firma com a outra dona... em fim... o carro seria propriedade sua total.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso, a gente vai preencher os recibos e reconhecer firma, como tenho que dar uma grana para esse amigo meu da agência ele achou melhor financiar esse valor e botar como se eu tivesse comprado o carro financiado... Será que fiz merda fazendo isso?

 

Essa advogada que fui foi indicação de um amigo advogado da minha esposa, mas hoje devo conversar com um advogado amigo do meu pai, pra ver o que ele me diz

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso, a gente vai preencher os recibos e reconhecer firma, como tenho que dar uma grana para esse amigo meu da agência ele achou melhor financiar esse valor e botar como se eu tivesse comprado o carro financiado... Será que fiz merda fazendo isso?

Desculpa se eu estou sendo muito leigão de entender.... mas você tem que pagar uma grana para o cara.. e vai justificar isso como se fosse um processo de compra do Corsa?

 

O corsa já esta quitado né?

cara.. eu acho que você fez errado.. esta divida que esta pendende não deve se justificar no processo de compra do carro.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desculpa se eu estou sendo muito leigão de entender.... mas você tem que pagar uma grana para o cara.. e vai justificar isso como se fosse um processo de compra do Corsa?

 

O corsa já esta quitado né?

cara.. eu acho que você fez errado.. esta divida que esta pendende não deve se justificar no processo de compra do carro.

 

Estou devendo uma grana a esse amigo meu da agência, e estava pagando por mês, mas com esse rolo todo ele achou melhor financiar esse valor....

 

Você acha que fizemos mal?

 

obs Ainda não financiamos

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cara, parecia tudo tão simples no começo, e agora parece que esta embolando tudo. Muita calma, e estuda direito toda e qualquer ação, pode acabar fazendo merda de besteira.

 

Boa sorte!

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Estou devendo uma grana a esse amigo meu da agência, e estava pagando por mês, mas com esse rolo todo ele achou melhor financiar esse valor....

 

Você acha que fizemos mal?

 

obs Ainda não financiamos

Dica de amigo...

 

Primeiro resolva este lance do corsa... pegue seu carro.. devolva o 306 pro cara.. acerta os pontos.... e beleza

 

Depois de tudo isso acima resolvido... você entra para resolve a grana do seu amigo..

 

Não mistura a divida dele com o enrrosco do carro... são causas totalmente diferentes...

 

Fala com ele.. segure esse lance.. pegue o carro.. depois.. com ele você faz da melhor forma.. o importante e fundamental agora e você devolver o 306 e pegar o seu corsa

 

Abraços

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dica de amigo...

 

Primeiro resolva este lance do corsa... pegue seu carro.. devolva o 306 pro cara.. acerta os pontos.... e beleza

 

Depois de tudo isso acima resolvido... você entra para resolve a grana do seu amigo..

 

Não mistura a divida dele com o enrrosco do carro... são causas totalmente diferentes...

 

Fala com ele.. segure esse lance.. pegue o carro.. depois.. com ele você faz da melhor forma.. o importante e fundamental agora e você devolver o 306 e pegar o seu corsa

 

Abraços

+1. Procure separar as coisas. Nós sabemos que não, mas se isso acabar em processo judicial a outra parte pode claramente alegar má-fé e fraude. Resolva as coisas da maneira mais clara e certa possível, sem deixar margem pra qualquer tipo de alegação da outra parte ou interpretações duvidosas.

 

Boa sorte aí.

Share this post


Link to post
Share on other sites

+2. Quer pegar o carro de volta fazendo financiamento em cima dele,??! Seu "amigo" da garagem tá é querendo resolver o problema DELE e deixar o abacaxi na sua mão. Ele achou melhor receber o dele e sair fora isso sim, mas eu no seu lugar JAMAIS faria isso, vc tá ficando sem rumo amigão, pára pra pensar. Como já disseram acima, uma coisa de cada vez.

Edited by Ricardo Apezeiro
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dá vontade de fazer a troca e dar esse 306 pra esse amigo meu pra acabar com a divida que tenho com ele....ficarei sem nada mas meus problemas acabariam

Edited by Fillfarnum

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dá vontade de fazer a troca e dar esse 306 pra esse amigo meu pra acabar com a divida que tenho com ele....ficarei sem nada mas meus problemas acabariam

Então faça. Na boa, eu acho que você querer voltar o negócio não é certo. Você viu o carro, o estado coisa e tal, e aceitou assim mesmo. Aí, depois que caiu na real, viu a merda que fez e quer desfazer. Só que aí, você está se enrolando e vai acabar bem pior do que começou. Eu, se fosse você, assumiria o erro e acabaria logo com essa novela e entubava. Arruma o carro o suficiente para vende-lo e ponto final.

  • Upvote 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Então faça. Na boa, eu acho que você querer voltar o negócio não é certo. Você viu o carro, o estado coisa e tal, e aceitou assim mesmo. Aí, depois que caiu na real, viu a merda que fez e quer desfazer. Só que aí, você está se enrolando e vai acabar bem pior do que começou. Eu, se fosse você, assumiria o erro e acabaria logo com essa novela e entubava. Arruma o carro o suficiente para vende-lo e ponto final.

 

Esse assunto está me consumindo e me estressando...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fillfarnum, desculpe pelo que eu vou falar.. desculpe mesmo

mas eu acho que você esta perdendo muito mas muito tempo correndo atrás de advogado para buscar informação!

sinceramente, e se você envolver eles... prepara o bolsinho que vai rolar graninha em honorarios..

 

Cara.. transfira o dut para o seu nome.. reconheça firma.. ligue para o cara.. e avise.. caso o cara não fala nada..

 

você esta deixando ele muito a vontade..

enquanto o 306 ta la parado... ele ta la usando seu corsa.. andando .. e tals.

 

sem corpo mole.. bota pra ferra

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Já não sei mais o que eu faço....

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cara,

 

Como disse o Askjao, você errou em ter fechado o negócio, mesmo o cara tendo agido (ou não) de má fé. Você querer ficar com os dois carros pelo fato de o cara não querer desfazer o negócio, já vira o jogo contra você e demonstra má fé da sua parte. Faça a coisa certa, assine os recibos, deixe o Corsa com ele e assuma a bronca com o 306.

 

Levantar um 306 assim para deixar rodando não vai ser tão custoso e com certeza, vai ser bem menos estressante do que tentar desenrolar esta história e no fim das contas, pode ser até mesmo uma terapia e bom fruto de aprendizado.

 

Não tenho certeza, mas como o carro foi comprado de particular e não de loja, esse esquema de devolver não é válido, pois não é influenciado pelo código de defesa do consumidor.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

É isso ai cara, vc precisa pesar o que é mais trabalhoso e custoso;

Levantar o 306 ou correr com advogado e processo judiciário pra desfazer o negocio?

 

Enquanto o cara ta rodando com o seu Corsa e vai continuar rodando até o fim do processo, vc ta com o 306 parado.

Vc sabe que esses processos demoram e mto pra se desenrolar, até la vc ja pode estar com o seu 306 em pé ou pode dar ele como pagamento da sua divida, como vc mesmo falou.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sem contar os planos que o cara já pode ter feito, seja vender o Corsa, repassar ele para outra pessoa ou seja lá o que for, ele tinha sua palavra de compra e pode ter firmado outros compromissos baseando-se na sua palavra.

 

Apesar de que você pode estar saindo lesado, já que ao que parece ele ofereceu o carro alegando estar em uma condição e entregou em outra bem mais depreciada, a incomodação não vale a pena não...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cada hora que passa eu fico mais confuso...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sei lá, cara... você pode ter errado em não ter conferido melhor o carro, mas se o cara disse "não precisa fazer nada, é só andar" ele também errou e, na minha opinião, errou muito mais que você! Ele tinha consciência que o 306 era uma fria e se tocou que você não percebeu de cara, agora está fazendo de tudo para te deixar com um grande "fod*-se, essa bucha agora é sua". Não gosto de quem passa a perna nos outros, não importa o tipo de situação, e acho que você deveria pegar seu Corsa de volta...

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sei lá, cara... você pode ter errado em não ter conferido melhor o carro, mas se o cara disse "não precisa fazer nada, é só andar" ele também errou e, na minha opinião, errou muito mais que você! Ele tinha consciência que o 306 era uma fria e se tocou que você não percebeu de cara, agora está fazendo de tudo para te deixar com um grande "fod*-se, essa bucha agora é sua". Não gosto de quem passa a perna nos outros, não importa o tipo de situação, e acho que você deveria pegar seu Corsa de volta...

 

Minha grande e imensa vontade é essa, mas já nem sei o que faço mais, as vezes penso em pegar esse 306 e deixar "jogado" no canto e quando tiver uma grana extra mexo nele...

 

Mas o problema também é que meu 206 está parado também...e estou meio quebrado agora :(

Share this post


Link to post
Share on other sites

E aí cara, como esta indo tudo? Já foi no advogado esclarecer as coisas? Estamos todos ansiosos para que você resolva tudo, não fica bobeando, vai logo no advogado trocar uma idéia.

Tem uns advogados no CP, cadê moçada? Camillo?

 

Enviado de meu LG-E615 usando Tapatalk

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desiste não, corre atrás do seu direito e daquilo que é seu.

 

Abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso aqui tá igual novela mexicana :rolleyes:

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cara, na boa! Ainda bem que você não foi na polícia, poderia ser totalmente prejudicial, já que você estaria agindo de má-fé e ainda teria a comuncação falsa de crime, calúnia, etc...

 

Entendo que você poderia resolver isso na esfera cível, mas isso lhe custaria tempo e dinheiro! E ainda talvez, não virasse nada, dependendo do juiz que caísse sua Ação.

 

Sugestão de quem é da área (jurídica) e func. público (segurança pública de sp), deixe como está, arrume o 306 na medida do possível e venda-o novamente! Afinal, você mesmo já assumiu que vacilou, assuma as consequências dos seus atos e bola pra frente!

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso aqui tá igual novela mexicana :rolleyes:

 

Tá pior....rsrsrsrs

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sou mais um que defende a concretização do negócio, tanto pra evitar dor de cabeça, quanto possíveis gastos com advogado. Se não deu pra desfazer amigavelmente, paciência. Eu, no seu lugar, ficaria com o 306, tentaria passar pro seu amigo da agência para quitar sua dívida com ele, e dependendo do valor vc ainda pega um troco pra colocar seu 206 pra andar. Mas se tiver que levar pra justiça, talvez os gastos de tempo e dinheiro com isso seriam mais que suficientes pra colocar o 306 andando liso.
Infelizmente as vezes a gente age por impulso. Situações como essa servem de lição pra não cometermos esse tipo de erro novamente. Mas o melhor é assumir a bronca, deixar pra lá até pra não criar possíveis problemas futuros e bola pra frente.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Tá pior....rsrsrsrs

 

bah galera... desculpe pela demora haha... advogado na área!

 

pessoal, falem mal assim de advogado não... somos gente fina (mas vivemos de honorários né) huahuahuahua

 

Fill, seguinte meu velho, eu tenho uma solução mais simples e rápida pra ti - que a advogada que tu procurou não pensou (ou não quis lhe dizer).

 

1º passo: faça uma notificação ao proprietário do 306.

- nessa notificação você descreve o fato como narrou no primeiro post. "que se interessou pelo anúncio do carro no site/jornal tal, publicado no dia tal e sua esposa, na data tal foi ver o veículo. Não entendendo muito de mecânica, combinou com o Fulano (proprietário) de ver o carro e levá-lo em um mecânico. O proprietário do 306 quis fazer o mesmo em relação ao corsa e, por isso, houve a troca dos veículos. Com o aval do seu mecânico o negócio seria fechado e concretiza. O mecânico, contudo, ao verificar o estado do veículo aconselhou pelo não fazimento do negócio e, por isso, você o procurou na data tal para desfazer a troca e recuperar os documentos, o que não foi atendido. Posto isto, venho pela presente lhe NOTIFICAR para que no prazo improrrogável de 5 (cinco) dias, disponibilize o veículo corsa, placa tal, renavam tal, no endereço tal, para que seja efetuada a troca dos veículos.

 

Esta notificação tu manda com Aviso de Recebimento pra ele, o famoso AR.

 

2º passo: bloqueie a transferência do corsa no Detran, assim ele não passa pro nome de ninguém.

 

3º passo: aguarde o AR voltar e aguarde pelo prazo de 5 dias para ver se ele se manifesta.

 

4º passo: se ele se manifestar, beleza, tá resolvido. Se ele não se manifestar, tu vai até a polícia com o AR e a cópia da Notificação enviada e vai registrar um BO (com fins de registro, apenas) de apropriação indébita (não é furto e nem roubo).

 

5º passo: com o registro policial aí sim tu entra com uma ação de reintegração de posse (o veículo não está em seu nome, então tem que ser reintegração), com pedido liminar para que seja cumprido com urgência, e nesta mesma ação tu coloca a disposição do juízo o 306.

 

6º passo: a liminar será deferida e o oficial de justiça vai contigo buscar teu corsa e entregar o 306 pra ele.

 

resolvido teu caso.

 

vai perder de 15 a 30 dias fazendo assim, com tudo bem organizado.

enquanto isso, permaneça monitorando teu corsa para o cara não sumir com ele.

 

NÃO faz nenhum financiamento encima (vai pagar juros pro banco???) e não fica com essa bomba se tu não quiser. Tem solução, basta organizar.

 

se precisar de alguma ajuda ou orientação maior: rodrigo_bontalge@hotmail.com (skype) ou rodrigo@bontalge.adv.br (e-mail) ou 51.9691.3684 (cel).

fico a disposição e não vou cobrar pra te orientar hehehe

 

abraços!

  • Upvote 9

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sou mais um que defende a concretização do negócio, tanto pra evitar dor de cabeça, quanto possíveis gastos com advogado. Se não deu pra desfazer amigavelmente, paciência. Eu, no seu lugar, ficaria com o 306, tentaria passar pro seu amigo da agência para quitar sua dívida com ele, e dependendo do valor vc ainda pega um troco pra colocar seu 206 pra andar. Mas se tiver que levar pra justiça, talvez os gastos de tempo e dinheiro com isso seriam mais que suficientes pra colocar o 306 andando liso.

Infelizmente as vezes a gente age por impulso. Situações como essa servem de lição pra não cometermos esse tipo de erro novamente. Mas o melhor é assumir a bronca, deixar pra lá até pra não criar possíveis problemas futuros e bola pra frente.

 

Tô quase fazendo isso...

 

 

 

bah galera... desculpe pela demora haha... advogado na área!

 

pessoal, falem mal assim de advogado não... somos gente fina (mas vivemos de honorários né) huahuahuahua

 

Fill, seguinte meu velho, eu tenho uma solução mais simples e rápida pra ti - que a advogada que tu procurou não pensou (ou não quis lhe dizer).

 

1º passo: faça uma notificação ao proprietário do 306.

- nessa notificação você descreve o fato como narrou no primeiro post. "que se interessou pelo anúncio do carro no site/jornal tal, publicado no dia tal e sua esposa, na data tal foi ver o veículo. Não entendendo muito de mecânica, combinou com o Fulano (proprietário) de ver o carro e levá-lo em um mecânico. O proprietário do 306 quis fazer o mesmo em relação ao corsa e, por isso, houve a troca dos veículos. Com o aval do seu mecânico o negócio seria fechado e concretiza. O mecânico, contudo, ao verificar o estado do veículo aconselhou pelo não fazimento do negócio e, por isso, você o procurou na data tal para desfazer a troca e recuperar os documentos, o que não foi atendido. Posto isto, venho pela presente lhe NOTIFICAR para que no prazo improrrogável de 5 (cinco) dias, disponibilize o veículo corsa, placa tal, renavam tal, no endereço tal, para que seja efetuada a troca dos veículos.

 

Esta notificação tu manda com Aviso de Recebimento pra ele, o famoso AR.

 

2º passo: bloqueie a transferência do corsa no Detran, assim ele não passa pro nome de ninguém.

 

3º passo: aguarde o AR voltar e aguarde pelo prazo de 5 dias para ver se ele se manifesta.

 

4º passo: se ele se manifestar, beleza, tá resolvido. Se ele não se manifestar, tu vai até a polícia com o AR e a cópia da Notificação enviada e vai registrar um BO (com fins de registro, apenas) de apropriação indébita (não é furto e nem roubo).

 

5º passo: com o registro policial aí sim tu entra com uma ação de reintegração de posse (o veículo não está em seu nome, então tem que ser reintegração), com pedido liminar para que seja cumprido com urgência, e nesta mesma ação tu coloca a disposição do juízo o 306.

 

6º passo: a liminar será deferida e o oficial de justiça vai contigo buscar teu corsa e entregar o 306 pra ele.

 

resolvido teu caso.

 

vai perder de 15 a 30 dias fazendo assim, com tudo bem organizado.

enquanto isso, permaneça monitorando teu corsa para o cara não sumir com ele.

 

NÃO faz nenhum financiamento encima (vai pagar juros pro banco???) e não fica com essa bomba se tu não quiser. Tem solução, basta organizar.

 

se precisar de alguma ajuda ou orientação maior: rodrigo_bontalge@hotmail.com (skype) ou rodrigo@bontalge.adv.br (e-mail) ou 51.9691.3684 (cel).

fico a disposição e não vou cobrar pra te orientar hehehe

 

abraços!

 

Sou meio noob pra essas coisas, como faria essa notificação?

Share this post


Link to post
Share on other sites

manda um e-mail pra mim que te envio um modelo. tenho pronto aqui....

Share this post


Link to post
Share on other sites

Te mande um e-mail

Share this post


Link to post
Share on other sites

foi o modelo... olha lá!

Share this post


Link to post
Share on other sites

foi o modelo... olha lá!

 

Muito obrigado pela ajuda Rodrigo, só tenho mais uma duvida, se eu conseguir fazer isso e recuperar o carro tem como ele recorrer ou fazer algo contra mim?

Share this post


Link to post
Share on other sites

não tem não.

além de não ter nada escritório entre vocês sobre a negociação, tu não é obrigado a aceitar uma negociação ruim.

 

talvez ele te xingue bastante, mas judicialmente te acionar seria burrice da parte dele. acho improvável.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

não tem não.

além de não ter nada escritório entre vocês sobre a negociação, tu não é obrigado a aceitar uma negociação ruim.

 

talvez ele te xingue bastante, mas judicialmente te acionar seria burrice da parte dele. acho improvável.

 

Bom saber...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não acredito que esse tempo todo vc ainda não foi na Delegacia ..

 

 

Era só vc falar com o delegado que iria trocar os carros e ficou com o carro para ter uma experiencia , e no mesmo dia já avisou ao proprietario do 306 que não iria querer ficar com o carro, e ele não quer devolver o seu carro !

 

Certeza que iria resolver !

 

 

Esse lance de vc ficar com os 2 carros não foi legal, por mais que o cara seja um pilantra, quem estaria agindo de má fé seria você !

 

 

 

 

Vai logo na Policia e acaba com isso !

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas Rodrigo, isso de levar os carros no mecânico para aí sim concretizar o negócio não foi combinado pelo que ele descreveu aqui. Não pode dar problema com essa notificação por ter infos "falsas"?

 

Pelo que entendi ele fechou negócio e só foi conferir o real estado do carro depois. E aí se arrependeu do que fez e quis destrocar.

 

Enfim, problema da porra.. boa sorte aí cara.

Abs!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas Rodrigo, isso de levar os carros no mecânico para aí sim concretizar o negócio não foi combinado pelo que ele descreveu aqui. Não pode dar problema com essa notificação por ter infos "falsas"?

 

Pelo que entendi ele fechou negócio e só foi conferir o real estado do carro depois. E aí se arrependeu do que fez e quis destrocar.

 

Enfim, problema da porra.. boa sorte aí cara.

Abs!

 

Speso... não dá problema não, todos temos direito de desistir de um negócio celebrado (até quando consta a expressão "irrevogável" e "irretratável" em contrato escrito. No caso dele não foi lojista para estar amparado pelo Código do Consumidor, e ainda assim não há nada escrito em papel (só os documentos preenchidos). Ele pode querer desfazer o negócio depois que constatou os problemas no veículo, pois não tem conhecimento técnico de avaliar.

 

Claro que tem o lado de "ah, mas devia ter feito isso antes" e tal... mas está feito. O cara que vendeu o carro não é santo, sabia que tinha uma bomba e quis se livrar, o nosso amigo caiu.

 

Querer ficar com os dois é fria, tirar financiamento também.

Polícia? não caracteriza furto e roubo (ele entregou o carro porque quis e assinou documentos pra isso)...

 

o que temos é apropriação indébita, o cara está com algo que não é dele e querendo complicar para devolver, por isso a notificação é importante, para caracterizar a resistência e dar sustentação para eventual reintegração de posse.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

No meu entendimento o "fechar negócio" só concretiza quando a documentação ta pronta.

  • Upvote 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

no caso de veículo, com a transferência registrada no Detran.

Se imóvel, com a escritura.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tem uns advogados no CP, cadê moçada? Camillo?

Oi!

 

Eu sou criminalista. Minha área seria meter uma noticia crime por estelionato (ou procurar outro delito) em cima do sujeito.

 

Se bem que pelo que to lendo aqui, a galera já deu tanta ideia que o caldo ficou mais caro que o peixe. O advogado tem que ser consultado PRIMEIRO, não por ultimo. Cada "pataquada" que a pessoa faz, pegar doc, transferir, ameaçar o sujeito...tudo isso dificulta...

Em tempo:

 

S.n.m.e, o Andrey, o Liukenn e o Fontoura são especialistas nessa parte (insuportavelmente CHATA) de direito civil.

 

Eu prefiro trampar com mais emoção!

 

ZUEI AUHUAHAUHAUHAUHAHUAHUA

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

E aí Diegão, olha o tamanho do pepino que botaram na sua mão !!!

 

 

pepino-1.jpg

 

Brincadeiras à parte fico muito triste em saber que o amigo ainda não conseguiu desfazer a transação, tem muito FDP e aproveitadores espalhados pelo Brasil à fora, como você é uma pessoa simples, de boa índole e com um leve sotaque do interior os cara já vem com aquela conversa mole que o carro tá inteiro, zerado (zerado de motor, de suspensão,...) aí a pessoa acredita na honestidade alheia e se ferra.

 

Diegão, tô na torcida para que você consiga seu carro de volta, um abração !!!

:confianteup:

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Oi!

 

Eu sou criminalista. Minha área seria meter uma noticia crime por estelionato (ou procurar outro delito) em cima do sujeito.

 

Se bem que pelo que to lendo aqui, a galera já deu tanta ideia que o caldo ficou mais caro que o peixe. O advogado tem que ser consultado PRIMEIRO, não por ultimo. Cada "pataquada" que a pessoa faz, pegar doc, transferir, ameaçar o sujeito...tudo isso dificulta...

Em tempo:

 

S.n.m.e, o Andrey, o Liukenn e o Fontoura são especialistas nessa parte (insuportavelmente CHATA) de direito civil.

 

Eu prefiro trampar com mais emoção!

 

ZUEI AUHUAHAUHAUHAUHAHUAHUA

Pô Camillo, tbm sou civilista hahaha. Minha praia são contratos e CDC.

 

Abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pô Camillo, tbm sou civilista hahaha. Minha praia são contratos e CDC.

 

Abraço

Fábrica de petições!!! UAHAUHAUHAUHAUHAU

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Galera ando meio sumido daqui e do cp, pois estou sem net e nao tenho muita paciencia pra mexer em celular

 

Mas e com muito orgulho dizer que peguei o corsa de volta...

 

Quero agradecer a todos que me ajudaram, principalmente a minha esposa que nao desistiu do carro e convenceu ao ex dono a desfazer o negocio

 

Obrigado a todos

  • Upvote 6

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que bom Fill! Boa sorte com o corsa agora!! Abs

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Valeu Ronanspen tive que morrer numa graninha mas o importante e que o corsa voltou

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×